Mais do que você gosta.

Publicidade

Sacrifício

Diretor explica por que escolheu Homem de Ferro para morrer em Vingadores: Ultimato

Filme da Marvel encerrou arco do personagem

Publicado por Guilherme Coral

04/04/2022 10:51

O Homem de Ferro se sacrifica no fim de Vingadores: Ultimato. O diretor Joe Russo revelou por que escolheram ele e não o Capitão América para fazer isso.

Russo discutiu como ele e seu irmão, o co-diretor de Ultimato, Anthony Russo, escolheram qual dos dois super-heróis deveria morrer, durante um painel no Sands International Film Festival de St. Andrews.

“Se você pensa no Capitão América como um personagem, você pensa ‘Ok, a morte do Capitão América é bastante óbvia’, certo? Auto-sacrifício é algo que ele faria baseado no personagem”, disse Russo. “Esse é um cara que se ofereceu para ser cobaia em um experimento científico para poder lutar contra nazistas na guerra. Ele é intrinsecamente um herói. Tipo, não há muita complexidade lá. Pode ser emocionalmente impactante porque você gosta dele. Você sabe, ele é um personagem muito agradável, mas não é necessariamente o arco mais atraente”.

“Tony Stark é o personagem que deveria morrer”, continuou Russo. “Então esse parecia ser o arco mais atraente para nós, que seria Stark quem morreria. Então seria um arco mais rico e complexo, e é por isso que o escolhemos”, disse Russo.

Não há planos para filmes dos Vingadores

Com mais de 20 filmes, o Universo Cinematográfico Marvel (MCU) se tornou a franquia mais bem sucedida da história do Cinema. Curiosamente, não há um plano que delineia tudo que vão fazer daqui para a frente.

Joe Russo, diretor de Vingadores: Ultimato, Guerra Infinita e dos dois últimos filmes do Capitão América, conversou com o Deadline e revelou que nem tudo é definido de antemão no MCU.

“A maneira como funciona na Marvel, e tenho certeza que em algum momento alguém falará em detalhes sobre isso, mas parte do brilhantismo do presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, é que não há realmente um plano”, disse o diretor. “Há uma ideia, mas você não pode ter um plano se o filme que você está fazendo fracassar. Não há nenhum plano depois disso. Certo?”.

“Então, é realmente sobre, como o filme foi bem sucedido, houve uma espécie de entusiasmo sobre o que mais poderíamos fazer? E então é quando novas ideias surgem”, disse Russo. “E havia esperanças. Esperamos que um dia possamos chegar à história, se continuarmos fazendo isso direito, talvez todos possamos chegar lá, você sabe, como Guerra Infinita e Ultimato. Mas muitas coisas foram inventadas entre os filmes”.

“Como em Capitão América: Guerra Civil, não sabíamos disso mostrando essa cena com Zola em Soldado Invernal e há uma imagem dos pais de Stark sendo mortos. E parece que está implícito que está conectado”.

“Então, depois que o filme saiu, nós ficamos tipo, ei, essa é uma ideia maluca – é assim que Tony pode ficar tão bravo com o Capitão que ele gostaria de matá-lo, se o amigo do Capitão tivesse matado seus pais”, disse Russo. “Então, estávamos adaptando essas ideias e tudo faz parte da diversão. Mas acho que de muitas maneiras é o molho secreto da Marvel”.

Filmes e séries da Marvel podem ser assistidos pelo Disney+. Clique aqui para assinar o serviço de streaming.

Publicidade