Mais do que você gosta.

Publicidade

Só para adultos

Filme erótico recebe classificação etária mais alta da história da Netflix

Blonde conta a história de Marilyn Monroe

Publicado por Redação

03/04/2022 08:30

A aguardada cinebiografia de Marilyn Monroe, Blonde, estrelada por Ana de Armas, conseguiu algo inédito na Netflix: a classificação indicativa NC-17.

NC-17 é a mais restrita das classificações indicativas nos EUA, determinando que apenas adultos podem assistir o filme.

Esse será o primeiro filme original da Netflix a conseguir tal classificação. Há outros exemplares de obras NC-17 no catálogo da gigante do streaming, como 365 Days (365 DNI), mas são licenciadas e não produções originais.

Blonde adapta o livro de mesmo nome de Joyce Carol Oates, lançado em 2000. Trata-se de uma versão fictícia da vida de Marilyn Monroe, com Ana de Armas interpretando a protagonista.

Mais sobre a classificação de Blonde

A direção e roteiro são de Andrew Dominik, que previamente trabalhou em O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford e O Homem da Máfia, além de já ter dirigido episódios de Mindhunter.

“É um filme exigente. Se o público não gostar, isso é problema do público. Não está concorrendo a um cargo público. É um filme NC-17 sobre Marilyn Monroe, é meio que o que você quer, certo? Eu quero ir ver a versão NC-17 da história de Marilyn Monroe”, disse o diretor (via CinemaBlend).

Há rumores de que parte da razão pela qual a classificação é NC-17 é por causa de uma cena de sexo oral com sangue menstrual, que Andrew Dominik chamou de falsa, mas “hilária”.

Há, no entanto, supostamente, uma cena de estupro em Blonde.

Ainda não há data de estreia para Blonde na Netflix.

Publicidade