Mais do que você gosta.

Publicidade

Revelação

Steven Spielberg nunca mais quer fazer musicais após Amor, Sublime Amor

Filme concorre a sete prêmios no Oscar 2022

Publicado por Guilherme Coral

21/03/2022 09:03

Amor, Sublime Amor atualmente concorre a sete prêmios no Oscar 2022, incluindo ao de melhor filme e diretor. Apesar disso, Steven Spielberg disse que nunca mais quer dirigir um musical.

Antes da cerimônia de premiação do sindicato de produtores dos EUA (PGA), foi realizado um café da manhã com os indicados ao Prêmio Darryl F. Zanuck.

Durante a conversa, o diretor compartilhou com o público que nunca dirigirá outro musical em sua carreira, embora esteja produzindo um.

Ele está atualmente co-produzindo a adaptação musical de A Cor Púrpura, com Fantasia Barrino e Danielle Brooks nos papéis principais.

Ele dirigiu a adaptação do romance de Alice Walker de 1985, que foi indicada a 11 prêmios da Academia e lhe rendeu seu primeiro prêmio do Sindicato de diretores dos EUA (DGA), embora não tenha conseguido uma indicação ao Oscar de melhor diretor.

Mais sobre Amor, Sublime Amor

Dirigido por Spielberg, o longa se passa na Nova York de 1957 e explora o amor proibido entre Tony (Ansel Elgort) e María (Rachel Zagler), e a rivalidade entre os Jets e os Sharks, dois grupos de adolescentes com diferentes passados.

O filme é baseado no longa de mesmo nome de 1961, que por sua vez surge de um famoso musical da Broadway.

A primeira versão para o cinema foi um grande sucesso. No Oscar daquele ano, Amor, Sublime Amor de Robert Wise e Jerome Robbins vendeu 10 estatuetas, incluindo Melhor Direção para Robbins e Wise, Melhor Atuação para Rita Moreno e George Chakiris, além de outras categorias como Fotografia e Edição.

“É muito intimidante pegar uma obra-prima e fazê-la através de um olhar e sensibilidades diferentes, sem comprometer a integridade do que é comumente considerado a melhor música já composta para o teatro. Mas acredito que excelentes histórias devem ser contadas e recontadas ao longo dos anos, em parte para poder refletir diferentes perspectivas e períodos na obra”, contou Steven Spielberg sobre refazer o musical.

O elenco tem Rachel Zegler (interpretando María), Ansel Elgort (Tony), Ariana DeBose (Anita), David Alvarez (Bernardo), Mike Faist (Riff), Brian d’Arcy James (Policial Krupke), Corey Stoll (Tenente Schrank) e Josh Andrés Rivera (Chino).

Rita Moreno, da primeira versão, aparece no filme como Valentina. A famosa também é produtora-executiva do remake de Amor, Sublime Amor.

Amor, Sublime Amor está disponível no Disney+.

Publicidade