Uma nova pesquisa da SurveyMonkey, empresa responsável por medir audiência de serviços online, apontou que Pokémon Go perdeu quase 10 milhões de usuários nos EUA desde o seu lançamento em julho – isso representa uma queda de cerca de 20% no seu pico de uso.

Estima-se que o jogo da Niantic tenha tido uma média semanal de pouco menos de 40 milhões de jogadores (que usaram o game pelo menos uma vez por semana) em seu primeiro mês. Desde então, a base de usuários caiu para pouco mais de 30 milhões, uma queda de 22,7%.

Analistas acreditam que Pokémon Go começa a demonstrar sinais de cansaço, embora taxas de retenção para jogos mobiles geralmente sejam muito baixas.


Além disso, segundo a Verto Analytics, até mesmo os mais populares games para dispositivos móveis retêm cerca de 30% de jogadores após sua primeira semana de downloads e 15% depois do primeiro mês – em termos de comparação, Pokémon Go reteve quase 60% de usuários durante o pico do jogo em meados de julho.

No momento, Pokémon Go mantém uma média de 400 mil downloads por mês e mais de US$ 2 milhões por dia de receita, apenas nos EUA. Portanto, mesmo com sua queda, o game continua sendo extremamente rentável para a Niantic e Nintendo.

Confira 10 dicas básicas e valiosas para arrasar no game

Em Pokémon Go, os jogadores assumem o papel de um treinador e precisam viajar para diversos pontos próximos de onde você mora – ou aonde está visitando – para capturar pokémons e encontrar ginásios para combates.

Os 15 perigos da vida real de Pokémon Go

Nele, os jogadores poderão capturar, treinar e lutar com pokémons no mundo real através de informações de localização geográfica e da câmera dos dispositivos móveis.

Os mais engraçados memes do jogo