Chefe de Death Stranding explica polêmica sobre pênis de Norman Reedus, de The Walking Dead

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Death Stranding promete ser um dos grandes lançamentos do mundo dos games em 2019. Os jogadores poderão usar avatares baseados fielmente em Norman Reedus, de The Walking Dead, e Mads Mikkelsen, de Doutor Estranho e Polar.

No entanto, há alguns dias, o game virou alvo de uma polêmica entre os fãs. Em novas imagens de Death Stranding, os fãs perceberam que Sam, personagem de Norman Reedus, pode urinar (veja abaixo).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O fato poderia passar como um mero detalhe. Mas, os jogadores começaram a especular que o pênis do ator aparecia no game com a possibilidade. O criador Hideo Kojima fez questão de esclarecer esse assunto na Gamescom.

“Sobre a parte da urina, preciso dizer, é tarde para discutirmos sobre isso, certo? Se você tentar movimentar a câmera para ver o que ele está fazendo, Sam se moverá também, não deixando você ver. Também, tem uma opção em que você não pode se aliviar com pessoas perto de você. Então, não se preocupem fãs de Norman, vocês não tem com o que se preocupar”, explicou o profissional.

Por conta da polêmica, Kojima até brincou se a “habilidade” de Sam poderia ser usada como uma arma.

“Sim, pode ser uma arma, também pode ser uma chave que vocês vão descobrir depois. Vocês viram o cogumelo crescer? Se vocês estiverem no mesmo lugar, vão ter algo bom depois”, declarou o criador de Death Stranding.

O elenco do jogo conta ainda com Troy Baker, Léa Seydoux e Lindsay Wagner.

Death Stranding será exclusivo do PlayStation 4 e chega no dia 8 de novembro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio