Homem-Aranha chinês, Superman indiano e os mais bizarros filmes de super-heróis do mundo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Filme bizarros de super-heróis dos anos 60, 70, 80 e 90 não faltam. Aquele filme do Nick Fury estrelado por David Hasselhoff, ou o O Justiceiro estrelado por Dolph Lundrgen… e não dá nem para começar a falar sobre o filme do Quarteto Fantástico, que de tão bizarro nunca foi lançado.

Os filmes desenterrados em uma matéria recente do Digital Spy, no entanto, estão em outro nível de “qualidade”. São produções estrangeiras baratíssimas que copiam os heróis americanos, ou criações “originais” que são ainda mais bizarras por isso.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vem com a gente numa viagem pelos cantos mais escuros do cinema de super-heróis:

Metal Man, uma cópia barata do Homem de Ferro produzida direto para vídeo em 2008, mostra um rapaz normal ganhando uma armadura de seu amigo, um professor universitário, e abre com uma sequência incrível em que… dois ladrões roubam um pouco de papel.

The Black Knight Returns, feito em 2009, é uma mistura de Batman com um cavaleiro medieval (e um capacete um pouco grande demais para a cabeça do ator interpretando-o). O vilão é ainda mais perturbador: na primeira cena, a mãe do pobrezinho tenta beijá-lo.

Thunderstorm: The Return of Thor pega a premissa do herói nórdico da Marvel e aplica os piores efeitos que você já viu em sua vida, além de um ator que realmente não se parece com um deus nórdico. A nota de 1,5/10 no IMDb não foi conseguida a toa.

Rise of the Black Bat se “beneficia” do fato de que a produção conseguiu cinco figurantes para todas as cenas de ação e coloca Batman em um mundo “mais sombrio” antes de Zack Snyder pensar nisso.

The Amazing Bulk é talvez o mais engraçado de todos esses filmes, só porque os efeitos envolvidos na criatura são naturalmente mais complexos – e mais abismalmente ruins, por consequência. Além disso, os créditos são todos feitos em Comic Sans!

Indian Superman (sim, esse é o nome do filme) é exatamente o que promete: uma releitura do Super-Homem com uma origem indiana. Ah, e o herói também tem um poder de telecinese que não está em nenhum dos outros filmes ou quadrinhos.

The Return of Superman não é uma continuação do anterior (infelizmente), mas uma outra cópia realizada em outro país – dessa vez, a Turquia. Os compositores do filme até roubaram a trilha-sonora de John Williams.

Japanese Spider-Man – sim, o Homem-Aranha Japonês ganhou uma nova história de origem: ele é um piloto de motocross que é levado para um planeta alienígena, resgatado por outra raça alienígena, e aí sim ganha poderes.

Krrish é uma trilogia de enorme sucesso na Índia, e de fato tem alguns efeitos bacanas. É interessante ver o que o cinema estrangeiro faz com histórias de super-heróis que se levam a sério depois dessa enxurrada de produções risíveis.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio