Resident Evil | Relembre 10 momentos bizarros dos games

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O game Resident Evil 7: Biohazard finalmente chega às lojas nesta terça-feira (24). Desde o seu anúncio na E3 2016, ficou explícito que a trama (nos EUA, não recomendada para menores de 17 anos) iria adotar novamente o tom de horror original da franquia.

De acordo com as primeiras críticas, Resident Evil 7 realmente conseguiu abraçar a atmosfera de terror característica dos primeiros jogos da franquia. E para aproveitar esse clima, fizemos uma lista com os 10 momentos mais bizarros dos jogos anteriores, ou simplesmente ridículos de tão absurdos – o que nem sempre significa uma coisa boa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Confira:

10 – O playground (Resident Evil 6)

A ideia de parques infantis abandonados sempre soa assustadora. Mas ainda não conseguimos superar Chris Redfield e Piers Nivens se divertindo em escorregadores e montando em pandas. A trilha ambiente contribui um pouco, mas ainda assim não é possível “desver” o que já foi visto.

9 – Cachorrão (Resident Evil 4)

O cenário já era duvidoso, e todos já esperávamos que o cachorro, que aparece em cena, nos ajudasse na luta contra o Gigante. Então, a reação de LeonKennedy: “Hey, é aquele cachorro!”. Sério?

8 – A morte de Simmon (Residente Evil 6)

Em Resident Evil 6, você mata Simmon em uma de suas várias formas animais – uma mosca. A questão é: por qual motivo, depois de se tornar inúmeros animais, ele resolve voltar a ser humano justamente durante a queda, se sabe que aquilo seria fatal?

7 – O homem dinossauro (Resident Evil 6)

Na série, já tivemos várias situações bizarras, como mariposas e aranhas gigantes, personagens que achavam que estavam virando plantas e várias outros. Em Resident Evil 6, entretanto, talvez tenhamos uma situação bizarra vencedora: um homem se transforma em dinossauro. Não é a pior coisa que a série nos proporcionou, mas ainda assim é ridiculamente bizarra.

6 – Salazar (Resident Evil 4)

Não importa quanto tempo e dedicação você desprende para comprar e atualizar suas armas: quando Leon encontrar Salazar, ele lamentavelmente irá tentar atirar sua faca, sempre. Por que?! Não era mais fácil atirar?

5 – Nêmesis (Resident Evil 3)

Nêmesis tem mais de seis metros de altura, pesa algumas várias toneladas e, ainda assim, Jill consegue o empurrar da ponte. Simples assim. Os fatos falam por si.

4 -Leon, o escolhido (Resident Evil 4)

Leon é quase um acidente biológico: ele consegue desviar de lasers mortais em diversas variações, mas rápido do que a mente humana é capaz de processar. É interessante imaginar se essa sequência foi roubada dos filmes da franquia Resident Evil ou se Matrix seria a inspiração para tal passagem.

3 – A façanha de Chris Redfield (Resident Evil 5)

Dizem que em momentos de crise, não conseguimos controlar nossa força. Parece que isso aconteceu em excesso com Chris Redfield, depois de simplesmente mover uma rocha de umas 100 vezes o seu peso. Forçado.

2 – Harrier Jet (Resident Evil 6)

Apesar de tudo o que vimos ate agora, a cena dos dois Harrier Jet atacando um Aircraft Carrier, por mais que tivesse tudo para ser incrível, foi uma das sequências mais nonsense da franquia. Isso porque foge de tudo o que o jogo propõe – o estilo, a mecânica, o tom…

1 – A primeira abertura (Resident Evil 1)

A sequência de abertura de Resident Evil 1, para ser direto, era difícil de assistir: ainda que nostálgica, não é nada mais além de uma música brega com personagens de filmes b, nos fazendo contorcer de vergonha alheia, imaginando que nunca ia acabar. Talvez tenha sido impressionante para a época – mas, hoje, é até gostoso assistir para dar algumas risadas.

Resident Evil | 5 curiosidades sobre os games que provavelmente você não sabia

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio