10 séries que se arriscaram com atores inusitados para papéis importantes

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando você está criando uma grande série de TV, assim como qualquer outra mídia, é preciso assumir alguns riscos. Cada escolha pode ser aquela que vai separar sua criação do restante das estreias do momento, seja para o bem ou para o mal.

10 atuações horríveis que (quase) estragaram ótimas séries

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Por isso, é sempre admirável quando um diretor de elenco faz uma escolha muito arriscada para um personagem importante – veja vezes em que deu certo ou errado:

BONES (Stephen Fry) | Um grande astro da comédia na sua Inglaterra natal, o ator Stephen Fry não parecia uma escolha tão acertada para a essencialmente americana (e dramática) Bones, mas seu personagem, o Dr. Gordon Wyatt, se tornou um dos favoritos dos fãs, aparecendo em seis dos melhores episódios da série em sua trajetória de 12 anos.

GAME OF THRONES (Jerome Flynn) | Antes de ser o Bronn de Game of Thrones, Jerome Flynn era mais conhecido pela sitcom Soldier Soldier (1991-1995) e – pasmem! – pela carreira musical nos anos 1990, na dupla Robson & Jerome. Tudo isso na Inglaterra é claro. Logo, foi um enorme risco escalar Flynn para um papel cujo carisma “salvou” tantos momentos de Game of Thrones.

Bryan Cranston

BREAKING BAD (Bryan Cranston) | Nem todo mundo se lembra hoje em dia, mas muito antes de ser o ameaçador e complexo Walter White em Breaking Bad, Bryan Cranston era o atrapalhado pai do protagonista em Malcolm (2000-2006), uma das sitcoms mais simbólicas dos anos 2000. É um pulo enorme entre gêneros, e um risco enorme para os criadores da série!

HOUSE (Hugh Laurie) | O produtor Bryan Singer estava resolutamente atrás de um ator americano para o papel de Gregory House na série sobre o médico mais rabugento da TV, mas Laurie – um ator britânico que havia passado a maior parte de sua carreira atuando em comédias – conseguiu enganar Singer com sua fita de teste, na qual simulou um sotaque americano.

SONS OF ANARCHY (Katey Sagal) | Na pele da durona Gemma Teller Morrow em Sons of Anarchy, Sagal revolucionou completamente sua própria imagem, marcada até então pelo trabalho cômico em Um Amor de Família (1986-1997) e na dublagem da série Futurama (1999-2013). Até ela admitiu que os produtores “se arriscaram muito” a escalando.

THE GOOD PLACE (Jameela Jamil) | Se o público do mundo todo não conhecida Jameela Jamil antes de ela aparecer como a irritante (mas adorável!) Tahani em The Good Place é porque ela passou o restante de sua carreira como apresentadora do programa T4, da TV britânica, vivendo a vida do tipo de “influenciadora” que Tahani com certeza assistiria na televisão.

TRUE DETECTIVE (Vince Vaughn) | Vaughn já tinha mexido com drama no começo da carreira, mas seu sucesso veio com a comédia, e seu retorno para uma produção mais séria causou estranheza em True Detective. Não à toa, a aposta não funcionou muito bem, e a segunda temporada da antologia foi massacrada pelos críticos.

GREAT NEWS (Nicole Richie) | A produtora Tina Fey e a criadora Tracey Wigfield se arriscaram ao escalar a socialite para o papel de Portia, a âncora fútil de um telejornal. Embora tenha aparecido na frente das câmeras anteriormente, Richie não é uma escolha convencional – curiosamente, ela se tornou uma das coisas mais consistentemente engraçadas da trama.

HANNAH MONTANA (Miley Cyrus) | É curioso pensar hoje em dia na decisão da Disney de escalar Miley Cyrus, a filha do astro do country Billy Ray Cyrus, para o papel principal de uma de suas maiores apostas da programação. Miley não tinha experiência como cantora ou atriz antes de Hannah Montana, mas tudo deu (muito!) certo.

REBA (Reba McEntire) | A estrela country Reba McEntire já havia atuado antes de conseguir o papel principal em sua própria sitcom, que foi um grande sucesso, ficando no ar entre 2001 e 2007. No entanto, ainda foi uma aposta arriscada dar a uma estrela da música uma série todinha centrada nela.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio