Ah, a vida boa… Quando conhecemos alguém obscenamente rico na vida real, seja um amigo, familiar ou qualquer que seja a situação, pode ser que uma pontinha de inveja surja no fundo da mente.

10 famosos mais ricos com 21 anos de idade ou menos

O mesmo acontece com personagens ficcionais, que ficam desfilando seu estilo de vida perfeito nas telas por aí – confira:


Os irmãos Baudelaire de Desventuras em Série

OS ÓRFÃOS BAUDELAIRE (Desventuras em Série) | Violet, Klaus e Sunny não viram nem um centavo da fortuna milionária deixada pelos pais, que morrem tragicamente no começo da série da Netflix (e dos livros assinados por Daniel Handler com o pseudônimo Lemony Snicket), mas se a mansão destruída dos Baudelaire e a ganância desmedida do Conde Olaf, que os persegue pelo dinheiro, é uma boa indicação, apostamos que eles merecem esse lugar na lista.

KAREN WALKER (Will & Grace) | Você pode agradecer o marido podre de rico de Karen, Stan, por sua colocação nessa lista. A mimada e hilária personagem de Megan Mullally na sitcom se casou com o milionário em 1995 – acontece que, durante os anos retratados na série, Stan permaneceu preso, e nunca foi visto em câmera.

UNCLE DADDY (Claws) |Se o crime não compensa, como você explica a presença do traficante interpretado por Dean Norris nessa lista? O maligno Uncle Daddy é dono de um clube de strippers na superfície, mas opera todo um império do crime por baixo dos panos, ajudado por seus dois filhos, Roller e Bryce.

Terrence Howard em Empire.
Terrence Howard em Empire.

LUCIOUS LYON (Empire) | Criado nos moldes de rappers da vida real como Jay-Z, que se meteram com a criminalidade no começo da carreira, mas desde então se firmaram como homens de negócio prósperos, Lucious é um negociador inclemente e cheio de orgulho. Seu império é impossível de negar até no nome – afinal, ele batizou a gravadora que administra de Empire.

MR. BURNS (Os Simpsons) | Criado para representar o estereótipo dos magnatas malignos dos EUA, Mr. Burns se tornou uma figura quase mítica, como a maioria dos personagens de Os Simpsons. Dono da planta de energia nuclear de Springfield, ele é a pessoa mais obscenamente rica do universo da série, uma fortuna que parece se estender de forma ilimitada para os roteiristas (tanto como fonte de humor quanto como dispositivo de trama).

BRUCE WAYNE (Gotham) | Figurinha fácil nas listas de personagens mais ricos dos quadrinhos e do cinema, Bruce agora pode aparecer também na lista da TV, já que está no ar em Gotham. Mesmo em sua versão mais jovem, o futuro Batman é o herdeiro de uma empresa bilionária que controla virtualmente todos os aspectos da vida em Gotham City.

Billions Damian Lewis

BOBBY AXELROD (Billions) | Se você fosse criar uma versão mais realista de todos os bilionários de novelão, fantasia, ficção e animação que citamos aqui, ele provavelmente ficaria muito parecido com Bobby Axelrod. Nas mãos de um escorregadio Damian Lewis, o antagonista (dependendo do ponto de vista) de Billions é um ricaço inescrupuloso e com mentalidade de “macho-alfa” – e é muito fácil torcer contra ele.

Ed Harris em Westworld

WILLIAM/HOMEM DE PRETO (Westworld) | Colocamos William acima de Bobby e de muitos outros membros dessa lista porque faz sentido que ele seja mais rico – afinal, um investimento como Westworld deve gerar bilhões e mais bilhões de dólares todos os dias. Como acionista principal da empresa que é dona do parque, William sem dúvida está entre os maiores ricaços da TV.

Claire Foy em The Crown

RAINHA ELIZABETH II (The Crown) | É trapaça colocar personagens baseados em pessoas reais? Bom, não quando elas são tão ricas, literalmente, quanto a Rainha da Inglaterra! Elizabeth e suas muitas propriedades luxuosas, cavalos, empregados, vestidos e joias fica com o segundo lugar da nossa lista porque, além da riqueza obscena, existe de verdade!

TIO PATINHAS (DuckTales: Os Caçadores de Aventuras) | Até pouco tempo atrás, não poderíamos colocar o Tio Patinhas nessa lista, mas com o retorno de DuckTales à TV, o pato mais rico do mundo está de volta! O nome do Tio Patinhas se tornou quase sinônimo com uma riqueza além da imaginação, então é claro que ele ficou no topo da lista.