Publicidade

Tomb Raider | 10 curiosidades sobre a maior heroína dos games

Publicado por Caio Coletti

15/03/2018 14:00

Alicia Vikander vai encarnar a herdeira Lara Croft, que se transforma na destemida aventureira Tomb Raider, no novo filme baseado em uma das franquias mais populares da história dos games – e ele chega aos cinemas brasileiros nessa quinta (15)!

Crítica | Tomb Raider: A Origem

Para comemorar, separamos 10 curiosidades sobre a personagem:

FELIZ COINCIDÊNCIA | Você sabia que Lara Croft quase foi sul-americana e ganhou o nome de Laura Cruz? No entanto, quando os desenvolvedores decidiram que Lara seria britânica na história do game, usaram uma lista telefônica para escolher aleatoriamente o nome que acabou sendo eternizado na mídia.

Tomb Raider nos games

MUDANÇA RADICAL | Outra diferença bem grande entre a versão original da personagem e aquela que vimos chegar aos games foi… o seu sexo. Originalmente, os desenvolvedores estavam pensando em mais um protagonista masculino para Tomb Raider, mas logo a mudança foi feita – segundo eles próprios, “para diminuir as comparações com Indiana Jones”.

OS FAMOSOS “ATRIBUTOS” | O célebre busto da personagem, representado por grandes pixels triangulares no game original, foi um acidente. Enquanto estava mexendo na animação da personagem, um desenvolvedor aumentou sem querer o tamanho dos pixels naquela região do corpo – vendo de longe, um de seus chefes resolveu que gostou do “novo visual” e ordenou que ele fosse adotado.

INFLUÊNCIA DE MODA | Sabe os shorts e a regata de Tomb Raider? Pois é, o traje da moça foi inspirado por outra aventureira icônica – Ellie Sattler, que apareceu três anos antes no clássico Jurassic Park, interpretada pela indefectível Laura Dern. Isso que chamamos de um ícone fashion apropriado – difícil é decidir qual das duas vestiu o modelito melhor.

RECORDE MUNDIAL | Desde 2006, Lara Croft faz parte do Livro de Recordes do Guinness. Pelo que, você se pergunta? Bom, ela não é só a protagonista feminina mais bem sucedida da história dos games, mas a protagonista humana mais bem sucedida da história dos games. Se isso não justifica os três filmes feitos sobre ela até hoje, não sabemos o que justificaria.

Angelina Jolie como LaraCroft

… E TAMBÉM NO CINEMA | Com arrecadação de US$ 274 milhões ao redor do mundo, o filme original de Tomb Raider, lançado em 1991, foi por muito tempo o mais bem sucedido da história com uma heroína isolada no protagonismo – recorde hoje em dia quebrado por longas como Jogos Vorazes, Mulher-Maravilha e Star Wars: O Despertar da Força.

Jennifer Lopez
Jennifer Lopez

A TURMA DO “QUASE” | Muitas atrizes passaram “pertinho” de serem escaladas como Lara Croft, tanto na versão original que acabou estrelada por Angelina Jolie (mas quase teve Jennifer Lopez, Catherine Zeta-Jones e Ashley Judd como protagonistas) quanto no reboot com Alicia Vikander (que bateu Daisy Ridley, Emilia Clarke, Saoirse Ronan e Cara Delevingne).

POR QUE NÃO UMA DIRETORA? | Vikander deu entrevistas recentemente dizendo que se sentiu “incomodada” com a falta de mulheres no set de Tomb Raider: A Origem (com a exceção dela própria, é claro). Infelizmente, o estúdio desistiu de contratar uma diretora para o reboot, mas nomes como Kathryn Bigelow (Guerra ao Terror), Mimi Leder (Impacto Profundo) e Catherine Hardwicke (Crepúsculo) foram considerados.

O REBOOT QUE NUNCA ACONTECEU | O reboot de Tomb Raider quase aconteceu bem antes, em 2009, quando a Warner fez parceria com a produtora Lin Pictures para produzir uma nova versão de Lara Croft com Megan Fox no papel. O projeto acabou engavetado, e só foi ressuscitado em 2013, com um roteiro de Marti Noxon (UnREAL) que foi reescrito várias vezes desde então.

AVENTURAS EM OUTRAS MÍDIAS | Nem só de games e filmes vive Lara Croft, no entanto – a Tomb Raider levou suas aventuras também para os quadrinhos entre 1999 e 2005. A série editada pela Top Cow publicou nada menos que 50 volumes, mostrando que o império de Croft se estende para muito além dos vídeo games.

Publicidade