The Walking Dead | Relembrando os 8 momentos mais cruciais da temporada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os 15 episódios da oitava temporada de The Walking Dead, que serão completados pelo season finale nesse domingo (15) foram definitivamente mais movimentados que os da temporada anterior, e por isso pode ser que o espectador menos atento tenha se perdido um pouco.

The Walking Dead | Atores recebem roteiros só um dia antes das filmagens

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Confira nossa rápida recapitulação dos momentos mais cruciais da temporada:

Andrew Lincoln em The Walking Dead

ATAQUE AO SANTUÁRIO | A temporada começou com os pés firmes na ação, mostrando Rick e companhia tomando ação contra Negan – logo  no primeiro episódio, eles atacam o Santuário, covil dos Salvadores liderados pelo vilão. Cercados por zumbis, Negan e cia ficam presos por vários capítulos.

https://youtu.be/XG8lQ34G9NI

A PRIMEIRA MORTE | Após o primeiro ataque, Rick ordenou que suas forças se separaram para atingir vários outros acampamentos dos Salvadores – nesse processo Eric se fere, e no episódio seguinte (o terceiro da temporada), morre, deixando o namorado Aaron desolado. É a segunda morte de personagem LGBT em The Walking Dead nas últimas três temporadas.

https://youtu.be/NQITKtxElWo

UM SACRIFÍCIO | O Rei Ezekiel, líder da comunidade O Reino, passou por poucas e boas na oitava temporada – tentando ajudar Rick na sua guerra contra Negan, o personagem perdeu a maioria dos “súditos” em um ataque de Salvadores. Além disso, quando ele, Jerry e Carol foram cercados por zumbis a caminho da segurança, Ezekiel perdeu sua amiga mais próxima – Shiva, a tigresa de estimação.

CONTRA-ATAQUE | Quando Negan e companhia conseguem deixar o Santuário (com a ajuda do “vira-casaca” Eugene), o contra-ataque começa. Alexandria, Hilltop e o Reino são atacados, e na primeira comunidade Carl é o salvador ao bolar um plano para salvar todos os residentes – isto é, menos a si mesmo.

https://youtu.be/22MteRJTNd4

EVENTO DO ANO | O retorno emocional de The Walking Dead em 2018 mostrou que Carl foi mordido por zumbi durante a fuga de Alexandria, e o episódio 8×09, “Honor”, mostrou em excruciante detalhe sua lenta transformação e seus momentos de despedida. Foi o evento mais trágico e comentado de The Walking Dead na 8ª temporada.

Negan em The Walking Dead

O PLANO DE NEGAN | Livre, Negan está a todo vapor – o vilão bola um plano diabólico em que encharca as armas dos Salvadores com sangue de zumbi a fim de que os inimigos feridos em futuras batalhas virem zumbis ao invés de morrer. Funciona: despreparada, a comunidade de Hilltop é atacada por seus feridos zumbificados durante uma noite.

Jayne Atkinson como Georgie em The Walking Dead

GEORGIE | Em “The Key” (8×12), fomos apresentados à personagem Georgie, interpretada por Jayne Atkinson, que se disse representante de um novo grupo de sobreviventes – o estilo diplomático da personagem é um contraste à guerra que os outros núcleos da série vive. Georgie aparece em Hilltop e troca comida e remédios por registros fonográficos.

https://youtu.be/r78fksEltc0

UMA ÚLTIMA MORTE | Última até o episódio de domingo, é claro. Por enquanto, a vítima derradeira da temporada por Simon, antigo braço direito de Negan. Ao descobrir que Simon tramava tomar o controle dos Salvadores para si, o vilão de Jeffrey Dean Morgan o desafiou para uma batalha mano-a-mano – que Negan, é claro, venceu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio