Charlize Theron em Tully e as mães mais sofridas da ficção

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Tully, que chega ao Brasil nessa quinta (24), Charlize Theron entrega com sua Marlo um retrato “sem filtros” da maternidade – exausta, ela contrata uma babá, Tully (Mackenzie Davis), que pode ser muito mais do que aparenta.

Crítica | Tully

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O filme de Jason Reitman e Diablo Cody, dupla diretor-roteirista por trás de Juno e Jovens Adultos, não é o primeiro a encarar a maternidade de frente, com todas as suas complicações.

Confira 8 outras mães “sofridas” da ficção:

KIKI (Kristen Bell) em Perfeita é a Mãe! | Das três mães que protagonizam a comédia que fez sucesso em 2016 (e ganhou continuação no ano seguinte), a pobre Kiki de Kristen Bell sem dúvida lida com a pior situação – não só porque ela tem quatro filhos, mas porque o marido Kent (Lyle Brocato) não a ajuda em nada e ainda a ressente por sair com suas novas amigas. Assim não dá!

MARY PAT (Allison Tolman) em Good GirlsA série da NBC traz três mães estressadas como protagonistas, mas nenhuma delas vive a mesma situação que Mary Pat, personagem recorrente interpretada (sublimemente) por Allison Tolman. Pat é viúva, e cuida sozinha da tropa de filhos, de forma que pula vorazmente na oportunidade de conseguir algum dinheiro a mais quando descobre os feitos criminosos da protagonista – dá para culpá-la?

GAIL (Hilary Swank) em TrustAssim com o filme Todo o Dinheiro do Mundo, a série Trust, da FX, conta a história do sequestro de J. Paul Getty III por membros da máfia italiana. Enquanto a família bilionária do pai do menino se perdia em disputas mesquinhas e não pagava um centavo para os sequestradores, a mãe pobretona, Gail (na série, a sempre excelente Hilary Swank), fazia de tudo para resgatá-lo.

REBECCA (Mandy Moore) em This is UsQuando o casal Pearson descobriu que estava “ganhando” três filhos pelo preço de um, eles não tinham dinheiro o bastante para lidar com isso. Quando um dos bebês morreu no parto, eles adotaram outro, e então enfrentaram uma série de obstáculos na criação do “Grande Trio”. No centro de todo o drama de This is Us, uma mulher de coragem monumental, mas falhas aparentes.

DORIS (Shirley MacLaine) em Lembranças de HollywoodNinguém nunca acusou Debbie Reynolds de ser uma estrela “fácil” – em Lembranças de Hollywood, a encontramos ficcionalizada como Doris, a mãe da protagonista Suzanne (Meryl Streep, interpretando uma versão da roteirista Carrie Fisher), e a matriarca interpretada por Shirley MacLaine é problemática e alcoólatra. No entanto, é impossível negar que a pobre Doris tem mais do que algumas dificuldades com a rebelde (e viciada) filha.

OLIVIA (Patricia Arquette) em Boyhood: Da Infância à JuventudeO épico premiado de Richard Linklater não filmou só o crescimento de Mason (Ellar Coltrane) durante doze anos, mas também o envelhecimento de Olivia (Patricia Arquette), sua mãe. Na trama, Olivia precisa criar dois filhos sozinha após o irresponsável marido (Ethan Hawke) sumir do mapa. A atuação sublime de Arquette lhe rendeu o Oscar.

MOLLY (Julie Walters) em Harry PotterA “mãezona” favorita de todos os fãs de Harry Potter, Molly Weasley tem o maior coração de todos os tempos e sempre diz as palavras certas para confortar seus muitos filhos (biológicos ou não). A saga a coloca por diversas provações e preocupações, incluindo a morte de um dos filhos, Fred.

SHERYL (Toni Collette) em Pequena Miss SunshineEm meio às loucuras e paranoias da família desse verdadeiro clássico contemporâneo, Sheryl (Toni Collette) é a voz da normalidade – ou de uma tentativa meio fútil de normalidade, pelo menos. Collette mostra que as mamães também podem ter um pouco a aprender, e está tudo bem! Ninguém é perfeito.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio