A nona temporada de The Walking Dead superou (e muito) suas predecessoras. Rick Grimes se despediu e a série conseguiu resolver várias tramas sem muita enrolação.

A introdução de novos personagens, heróis e vilões, ajudou a revitalizar a trama, e no geral, os episódios foram bem conduzidos.

Mesmo assim, alguns momentos da nona temporada de The Walking Dead foram de doer.


O site Screen Rant elegeu os 5 piores momentos da nona temporada de The Walking Dead; confira abaixo!

O marketing da despedida de Rick

Rick Grimes foi o protagonista de The Walking Dead desde sua primeira temporada, e sua saída com certeza sugere um novo rumo para a produção. O adeus do personagem foi parte do marketing da nona temporada, e mesmo que possa ter trazido de volta fãs antigos, parte dos espectadores atuais se sentiram traídos. Como já havia sido anunciado que Rick deixaria a série, sua saída perdeu completamente o elemento surpresa.

O adeus de Rick

A cena da despedida de Rick poderia ter terminado na ponte. Com as alucinações, sacrifício, parecia que ele havia morrido, e o final seria adequado para o personagem. No entanto, ele não morreu: apenas ficou boiando no rio e foi encontrado por Jadis. O motivo é simples: Rick ainda vai aparecer nos futuros filmes da série.

Os relacionamentos amorosos

Os relacionamentos românticos envolvendo Abraham, Eugene, Rosita, Gabriel, Sasha e Siddiq são difíceis de acompanhar. The Walking Dead nunca foi conhecida por seu romance, e existe um motivo para isso. Entre os “namoros” mostrados na última temporada, o de Eugene e Rosita pareceu extremamente forçado.

Mortes sem sentido

Matar personagens por nenhuma razão aparente se tornou uma marca de The Walking Dead. A série adora explorar personagens aleatórios por um certo período de tempo e matá-los logo em seguida. Isso aconteceu com Ken Sutton, morto apenas para justificar o assassinato de Gregory.

O término de Carol e Ezekiel

Esse sim foi um relacionamento de The Walking Dead que funcionou. Carol e Ezekiel eram extremamente diferentes, mas pares perfeitos um para o outro. A morte de Henry foi um grande baque, e a despedida de Carol (que vai para Alexandria) desagradou muitos fãs.

A 10ª temporada de The Walking Dead volta em outubro.