O diretor J.J. Abrams é conhecido por ser bom em guardar segredos, então muito pouco se sabe sobre seu próximo trabalho, Star Wars: A Ascensão Skywalker. Por causa disso, os fãs têm liberdade para criar suas próprias – e muito loucas – teorias. Aqui, separamos as mais importantes.

A trama acontece anos após Os Últimos Jedi

Star Wars: Os Últimos Jedi aconteceu apenas alguns momentos depois de Star Wars: O Despertar da Força, mas parece que o mesmo não está acontecendo com Star Wars: A Ascensão Skywalker.

Os personagens estão muito diferentes, e um grande salto temporal poderia trazer mais impacto às consequências da vitória da Primeira Ordem.


Não é uma conclusão completa da saga

Uma teoria recente diz que Star Wars: A Ascensão Skywalker não trará um fim para essa história que está sendo contada, mas sim um novo começo para outros capítulos.

Dentro dessa lógica, a Rebelião perderia mais uma vez, dando espaço para uma nova trilogia continuar a batalha entre o bem e o mal. Porém, parece pouco provável.

General Hux é o verdadeiro grande vilão

Kylo Ren não é um vilão muito articulador. Suas ações, na maioria das vezes, são movidas por emoções, e sua intenção não é bem construir um novo Império, mas um novo tipo de ditadura que substitui todas as coisas que deram errado por… algo novo.

Portanto, como novo líder da Primeira Ordem, Kylo Ren não é muito popular entre todos, então especula-se que o General Hux começará a reunir seguidores para derrubá-lo e, então, se tornar o verdadeiro grande vilão de Star Wars: A Ascensão Skywalker.

Richard E. Grant está interpretando o Grande Almirante Thrawn

O Grande Almirante Thrawn é um dos mais adorados vilões da saga Star Wars, então os fãs aguardam sua introdução nos cinemas com muita ansiedade.

Por causa disso, o rumor que disse que o ator britânico Richard E. Grant o interpretaria em Star Wars: A Ascensão Skywalker causou muita euforia.

Os pais de Rey são personagens importantes

Uma das coisas mais controversas de Star Wars: Os Últimos Jedi foi a revelação de que os pais de Rey não são ninguém importante, subvertendo o antigo tema de Star Wars sobre linhagens.

Foi uma ideia interessante, mas decepcionante por causa da expectativa que Star Wars: O Despertar da Força criou. Tudo indica que, neste novo Star Wars, será revelado que, na verdade, os pais de Rey eram, sim, personagens importantes. Ou, pelo menos, pessoas com ligação com personagens importantes.

Luke retorna como Fantasma da Força

Não é bem uma teoria. O próprio Mark Hamill já declarou que retornará como um Fantasma da Força em Star Wars: A Ascensão Skywalker. Resta saber como essa questão será abordada por J.J. Abrams.

Hamill, aliás, não parece ter ficado muito satisfeito que Luke Skywalker tenha morrido em Os Últimos Jedi.

O surgimento da Força Cinza

Star Wars: Os Últimos Jedi chegou muito perto de abordar essa ideia, mas nunca chegou a consolidá-la. Ao longo da saga, conhecemos personagens do lado luminoso e do sombrio da Força.

No entanto, na vida nem tudo é preto ou branco. Kylo Ren parece ser um exemplar da “Força Cinza”, variando de mau para… menos mau. Quem sabe Star Wars: A Ascensão Skywalker não possa concretizar esse conceito?

Snoke e Palpatine estavam conectados desde o início

Uma teoria de longa data sugere que Snoke era na verdade o mestre do Imperador Palpatine, Darth Plagueis, que chegou para pegar os restos mortais do Império e transformar em algo melhor.

Ou era, pelo menos, uma representação do espírito de Plagueis, que conseguiu enganar a própria morte, podendo retornar mais uma vez. Com a volta de Palpatine, podemos ter mais esclarecimentos.

O retorno de Darth Vader

Uma das teorias mais interessantes de Star Wars: A Ascensão Skywalker sugere que Darth Vader usará os poderes de fantasmas da Força para se comunicar com seu neto, Kylo Ren. A grande pergunta é: teríamos o bom Darth Vader ou o mau Darth Vader?

Lando em busca de redenção

Quando conhecemos Lando Calrissian em Star Wars, ele não era exatamente o mocinho. No entanto, acabou se redimindo.

Uma teoria de Star Wars: A Ascensão Skywalker diz que, após muitos anos, Lando retornou aos negócios da pirataria espacial, o que explica o porquê de ter se afastado do grupo de rebeldes. Desta forma, precisaria se redimir mais uma vez.

A destruição da Millennium Falcon

A nave de Han Solo é parte da saga Star Wars tanto quanto qualquer personagem orgânico. Se este é realmente o fim da história dos Skywalker, é uma possibilidade que tenhamos a destruição da Millennium Falcon, o que seria chocante. Não estamos prontos para dizer adeus.