Depois de anos de expectativa e especulação, Vingadores: Ultimato chegou aos cinemas em abril, revolucionando o cinema de super-heróis e concluindo a história que o MCU iniciou há 11 anos. Parte do que torna o filme especial são as mortes de personagens importantes, que vão impactar todos os filmes da Marvel a partir de agora.

O Looper listou 10 coisas que as mortes de Vingadores: Ultimato vão mudar para sempre no futuro do MCU.

10. Um sacrifício triunfante

Tony Stark teve que morrer, mas se serve de consolo para os fãs da Marvel, sua morte foi a mais triunfante possível. O Homem de Ferro se sacrificou para derrotar Thanos de uma vez por todas ao final de Vingadores: Ultimato, o que muda o futuro do MCU para sempre. Todos os heróis sobreviventes serão impactados pela morte de Tony Stark, especialmente aqueles mais próximos – como Peter Parker. Além disso, Tony deixou uma família para trás, o que significa que seu legado vai continuar de certa forma em Pepper Potts e Morgan Stark.


9. Uma queda nobre

A Viúva Negra sempre foi uma das principais heroínas da Marvel nos cinemas e sua morte em Vingadores: Ultimato muda para sempre o futuro do MCU. Para que Clint Barton possa obter a Joia da Alma, Natasha se sacrifica em Vormir, o que deixa os Vingadores totalmente devastados. Natasha atuava como a líder operacional dos Vingadores, mantendo todos os heróis ligados uns aos outros após a Dizimação e fazendo com que o grupo funcionasse de fato. Com o fim da Viúva Negra, alguém terá que exercer esse papel e certamente será difícil encontrar um substituo (a) a altura.

8. O futuro das Indústrias Stark

Tony Stark não era apenas um herói, mas também o dono de um império, sendo o responsável pelas Indústrias Stark, que serviam como o grande suporte operacional e tecnológico dos Vingadores. Com a morte de Tony em Vingadores: Ultimato, a tendência é que Pepper Potts e Morgan Stark assumam as Indústrias Stark daqui pra frente. Resta saber se a empresa vai continuar dando suporte aos Vingadores, ou se eles vão ter que encontrar outra base tecnológica no Universo Marvel para ajudar em suas operações – Wakanda é uma boa opção – mas o certo é que o mundo deve continuar precisando das tecnologias Stark.

7. A ascensão da Coração de Ferro

Com a tecnologia das Indústrias Stark ainda presentes após Vingadores: Ultimato, a tendência é que novos heróis de armadura surjam. Depois da morte de Tony Stark, o MCU tem que trazer algum personagem para substituí-lo como o Homem de Ferro. Máquina de Combate e Rescue/Pepper Potts são algumas opções, mas o mais provável é que tenhamos a heroína Coração de Ferro, dos quadrinhos da Marvel, fazendo essa função. A Coração de Ferro (Riri Williams) é uma adolescente que utiliza uma armadura das Indústrias Stark nos quadrinhos, sendo a versão mais popular do Homem de Ferro depois de Tony Stark.

Nos cinemas, Shuri – a irmã do Pantera Negra – é uma séria candidata para assumir o manto da Coração de Ferro. Além dela, Morgan Stark – a filha de Tony – também pode seguir os passos do pai após Vingadores: Ultimato.

6. Uma segunda vida

Nos quadrinhos da Marvel, quando Riri Williams é introduzida como a Coração de Ferro, é revelado que Tony Stark sofreu danos fortes durante a Guerra Civil II, o que faz com que ele crie uma copa de sua consciência em Inteligência Artificial para continuar guiando a jovem Riri. Ao final de Vingadores: Ultimato, temos um holograma de Tony Stark que foi gravado antes de sua morte, o que pode significar que o herói pode ter uma “segunda vida” a partir de agora, vivendo na forma de uma Inteligência Artificial. Essa seria uma maneira inteligente de trazer Tony Stark e Robert Downey Jr de volta para algumas participações especiais no MCU.

5. Passando o bastão

Natasha Romanoff morreu em Vingadores: Ultimato, mas isso não significa necessariamente que a Viúva Negra chegou ao fim. Nos quadrinhos da Marvel, diversas heroínas assumiram o papel de Viúva Negra depois de Natasha – como Monica Chang e Yelena Belova – o que abre margem para que o MCU faça a mesma coisa, introduzindo uma nova heroína que vai assumir o papel da Viúva Negra (ou ao menos uma função parecida). De qualquer forma, veremos mais de Natasha no filme prelúdio da Viúva Negra, que deve estrear em algum momento dos próximos anos.

4. O próximo (a) Gavião Arqueiro

Na primeira cena de Vingadores: Ultimato, temos o Gavião Arqueiro/Clint Barton ensinando para sua filha suas habilidades com arco e flecha. Essa cena deu indícios do que será o futuro do Gavião Arqueiro na Marvel, já que Clint deve de fato se aposentar e preparar uma heroína mais jovem para assumir o seu lugar. Já está confirmado que teremos uma série do Gavião Arqueiro no Disney+ e que Kate Bishop (A Gaviã dos quadrinhos) estará presente, o que só confirma a teoria de que uma nova Gaviã Arqueira deve surgir no futuro próximo.

3. O retorno dos Vingadores

Os Vingadores como conhecemos chegaram ao fim em Vingadores: Ultimato com a morte de Tony Stark e a “aposentadoria” de Steve Rogers, os dois líderes do grupo. Com isso, um vácuo de poder se abriu na equipe e esse vácuo terá de ser preenchido nos próximos filmes. Rogers escolheu seu sucessor, passando o escudo do Capitão América para Sam Wilson, mas Tony não teve a mesma sorte. A tendência é que heroínas como a Capitã Marvel – a Vingadora mais forte da atualidade – assumam um papel de liderança agora, levando o grupo adiante de um jeito bem diferente.

2. Vácuo de poder

Com o fim de Thanos e seus aliados ao final de Vingadores: Ultimato, um vácuo de poder se abriu no Universo Marvel, já que o titã exercia uma força gigante em diversos planetas. Isso significa que novas ameaças cósmicas devem surgir após a morte de Thanos, buscando ocupar o espaço que ele deixou. Além disso, com a notícia da vitória dos Vingadores se espalhando pela galáxia, os novos supervilões devem se voltar com todas as suas forças para a Terra, já que os heróis estão cada vez mais conhecidos pelo universo.

1. Marcas de batalha

Outra morte de Vingadores: Ultimato que vale a pena ser citada é a morte de Nebulosa (ou ao menos uma versão dela). A heroína enfrentou e matou uma versão de si própria no passado em Vingadores: Ultimato, o que em outras histórias causaria um grande problema na linha do tempo, mas como o MCU trabalha com o conceito de realidades alternativas, a Nebulosa do presente segue viva. Isso não significa que ela a salvo e sem problemas, já que o futuro do MCU certamente deve mostrar as consequências psicológicas para a personagem, que é uma das que mais sofreu em toda essa história.

Vingadores: Ultimato segue em exibição nos cinemas.

Próximo filme da Marvel, Homem-Aranha: Longe de Casa chega aos cinemas no dia 4 de julho.