Severo Snape sempre foi um dos personagens mais interessantes de Harry Potter. Com motivações que só foram reveladas ao final da saga, o bruxo realmente dividiu a opinião dos fãs.

Alguns ainda enxergam o personagem como um homem amargurado que fez da vida de Harry um inferno após não conseguir lidar com seus sentimentos não correspondidos pela mãe do garoto.

Outros, veem Snape como um herói trágico, cuja vida foi sacrificada por amor.


O site Cinema Blend reuniu alguns motivos que comprovariam que Snape nunca foi um vilão; confira abaixo!

A primeira aparição

A verdadeira natureza de Snape é mostrada pela primeira vez na primeira cena do personagem, em Harry Potter e a Pedra Filosofal.

Harry sente sua cicatriz arder e acha que o professor de poções é uma ameaça. No entanto, ele estava na verdade sentindo a presença de Voldemort, escondido sob a identidade do professor Quirrel.

A vassoura

Ainda em A Pedra Filosofal, Hermione acha que Snape está controlando a vassoura de Harry, que quase faz o garoto cair de uma grande altura.

Porém, depois é revelado que ele na verdade estava tentando salvar Harry com um contra-feitiço.

Lupin

Em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, é revelado que o professor Lupin é afetado pela maldição dos lobisomens.

No filme, quando Lupin está prestes a se transformar, Snape se coloca como um escudo entre o professor descontrolado e o trio de protagonistas.

A morte de Dumbledore

A verdadeira motivação de Snape para matar Dumbledore só é revelada no último filme da série.

O assassinato foi uma decisão do próprio Dumbledore, que já estava morrendo devido à maldição do seu anel. Para ganhar a confiança de Voldemort, Snape deveria matar o diretor de Hogwarts.

No filme, é possível perceber a hesitação na voz de Snape quando ele proclama o feitiço Avada Kedavra.

Maus tratos

Não é possível ignorar os maus tratos cometidos por Snape contra Harry e seus amigos. Essa é a principal razão pela qual os fãs da série ainda condenam o personagem, segundo o site.

No entanto, de acordo com o site, ele só fez isso tudo pois Harry lembrava James Potter, o homem que Lily preferiu passar ao vida ao lado.

No final, Snape continua um personagem conflituoso e com uma brilhante história de redenção e tragédia.