Thor 4 terá Thor mulher e heroína gay; veja tudo que sabemos do filme

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Thor: Love and Thunder (Thor: Amor e Trovão), o quarto filme do deus do trovão, teve grandes e excitantes novidades divulgadas no painel da Marvel na San Diego Comic-Con.

Entre as maiores delas, Natalie Portman assumindo o manto do Thor e Valquíria sendo introduzida como a primeira heroína LGBT do MCU.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A seguir reunimos todas as novidades já anunciadas sobre Thor 4:

Título e data de estreia

Dias após o anúncio de que Taika Waititi faria um quarto filme do Thor, o diretor apareceu na Comic-Con 2019 ao lado de Chris Hemsworth e Tessa Thompson para uma apresentação mais bombástica do filme.

Thor 4 foi batizado de Thor: Love and Thunder (Thor: Amor e Trovão) e teve sua estreia confirmada para 5 de novembro de 2021.

O logotipo do filme – que segue o mesmo estilo do logo de Thor: Ragnarok – também foi divulgado:

Nova Thor

Um dos mais chocantes anúncios do painel da Marvel envolveu Natalie Portman. A atriz, que viveu Jane Foster nos três primeiros filmes de Thor, foi anunciada como a versão feminina do herói em Thor: Love and Thunder.

Isso, no entanto, não é algo inédito: nos quadrinhos, Jane Foster já chegou a assumir o manto do deus do trovão.

No palco da Comic-Con, Natalie Portman disse que “sempre teve uma pequena inveja do martelo”, e ainda segurou o Mjolnir, levando o público ao delírio.

Heroína gay

Após o painel da Marvel na San Diego Comic-Con, o presidente da Marvel, Kevin Feige, confirmou que Thor 4 não vai mais esconder a sexualidade da heroína Valquíria, interpretada por Tessa Thompson.

Questionado pelo io9 se Valquíria será a primeira heroína gay do MCU, Feige disse: “A resposta é sim”.

“Como isso impacta a história é o que veremos, junto com esse nível de representação ao longo dos nossos [próximos] filmes, não apenas em Thor 4 ”, acrescentou.

Durante o painel da Marvel, Thompson já havia indicado a “saída do armário” de Valquíria, ao afirmar que “como novo rei [de Asgard], ela precisa encontrar sua rainha”. “Essa será sua primeira ordem de mandato. Ela tem algumas ideias. Manterei vocês informados”, finalizou.

Por enquanto, Chris Hemsworth (Thor), Tessa Thompson e Natalie Portman são os únicos nomes confirmados do elenco de Thor: Love and Thunder.

Thor 4 pode consertar o herói após Vingadores: Ultimato

A participação do Thor de Chris Hemsworth no filme ainda é uma dúvida, principalmente após suas cenas em Vingadores: Ultimato.

Vingadores: Ultimato, em especial, trouxe algumas decisões para o personagem que desagradaram os fãs, e o novo filme precisa consertar Thor. Aqui, trazemos algumas sugestões de como isso pode acontecer.

Confira a seguir:

Thor fora dos Guardiões da Galáxia

O final de Vingadores: Ultimato estabelece que Thor se juntará aos Guardiões da Galáxia (ou Asgardianos da Galáxia, como ele mesmo diz), e sinceramente não precisamos disso. A disputa de poder entre Thor e Senhor das Estrelas já perdeu a graça, e o herói não pode perder espaço em seu próprio filme.

Menos piadas

Sei que isso é difícil de se esperar de praticamente qualquer filme da Marvel, mas realmente poderíamos dar uma brecada no humor. É excessivamente infantil e destoante da maioria das histórias que seus cineastas almejam contar, e gostaria de ver um Taika Waititi mais controlado em Thor 4 – ou que ao menos trouxesse seu humor mais inteligente, de O Que Fazemos nas Sombras.

Mais épico

Em seus melhores momentos no cinema, o Thor honrou o épico que seu personagem traz nas páginas dos quadrinhos. Os irmãos Russo conseguiram trazer esse lado nos dois últimos Vingadores, e Taika foi até capaz de trazer um Thor mais badass (ainda que o Led Zeppelin seja o grande responsável), então que Thor 4 devolva o épico ao herói.

O Thor dos quadrinhos

Os fãs dos quadrinhos da Marvel que acompanharam o arco Guerra dos Reinos, que culminará em Rei Thor, viram o potencial gigantesco que o herói pode ter. O cinema mal raspou a superfície dessa versão, e Thor 4 poderia muito bem se inspirar nesse novo arco, mostrando o herói como o líder imponente que é.

Explorar relação com a Valquíria

De longe, a melhor coisa que saiu de Ragnarok foi a Valquíria de Tessa Thompson, que não teve muito o que fazer em Vingadores: Ultimato além de voar um Pegasus. Ela se tornou Rainha de Asgard, o que promete uma relação interessante com Thor.

Cortar a barba de mendigo

O “Fat Thor” (Thor gordo) foi uma decisão interessante para o Deus do Trovão em Vingadores: Ultimato, mas uma que se mostrou um tanto exagerada pela maquiagem. Em Thor 4, torcemos para que Chris Hemsworth seja já com seu visual mais clássico – ou que ao menos apare aquela terrível barba de mendigo. Sem trança Viking.

Um visual icônico

Novamente, queremos um Thor imponente, e seu visual é importante para isso. Falando especificamente de figurino, o Deus do Trovão simplesmente abandonou as cores em troca de um traje preto e genérico, mal lembrando o visual bacana que apresentou em seus primeiros filmes. Queremos o retorno desse Thor.

Com roteiro e direção de Taika Waititi (Thor: Ragnarok), Thor 4 estreia nos cinemas em 5 de novembro de 2021.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio