Desde a primeira temporada de The Big Bang Theory, Howard tenta encontrar um grande amor. E para isso, usa das cantadas mais criativas e às vezes inapropriadas.

Antes de encontrar Bernadette, o agora pai de família assustou e intrigou diversas personagens com suas cantadas.

O site Screen Rant listou as 10 cantadas mais inapropriadas de Howard em The Big Bang Theory.


Tecnologia

Como um nerd de verdade, Howard sempre usa conceitos científicos e tecnológicos em suas cantadas. Em certa ocasião, ele disse “Baby, desse jeito você vai transformar o meu disquete em um disco rígido”.

Motocicletas

Tentando conquistar alguma garota, Howard resolve citar seus bens materiais. Ele diz “Você curte motocicletas? Porque eu dirijo uma”. Em português não faz muito sentido, porém na língua original a moto citada é chamada de HOG, que também pode ser traduzido como “leitoa”.

Números

Usando de novo um conceito científico, Howard diz “Sou como PI, longo e duro para sempre”. O cientista estava se referindo ao número de PI, que começa com 3,14 e continua indefinidamente.

WiFi

Em uma cantada surpreendentemente criativa (e que poderia funcionar na vida real), Howard usa o conceito do WiFi. O personagem diz “Seu nome é WiFi? Porque estou sentindo uma conexão”.

Virgindade

Em uma cantada realmente inapropriada, Howard se refere à virgindade de uma garota. O personagem diz “Seu V-Card tem um código? Porque eu vou hackeá-lo”. Não é nem preciso dizer que a cantada não deu certo.

Dever de Casa

Em outra cantada de cunho extremamente sexual, Howard diz “Eu gostaria de ser seu dever de casa difícil, eu seria muito duro e você estaria me fazendo em sua mesa”.

Geologia

Após usar números, conceitos tecnológicos e trocadilhos como cantadas, Howard resolve investir na geologia. O cientista diz “Gata, você é feita de rocha mica? Porque você tem uma rachadura perfeita”.

Big Bang

Howard já usou até o título de The Big Bang Theory como cantada. O personagem diz “Gata, venha ao meu laboratório que eu irei lhe mostrar que o Big Bang não é só uma teoria”.

Ossos

“Você tem 206 ossos em seu corpo, quer ter 207?”, diz Howard. A cantada não faz muito sentido em português, porém em sua versão original, o cientista usa o termo “bone”, que tanto significa “osso” quando pode ser utilizado como eufemismo para o ato sexual.

DNA

Em certa ocasião, Howard diz “Eu gostaria de ser a helicase de seu DNA para descompactar seus genes”. A helicase é uma enzima que promove a abertura da hélice do DNA, separando-o em duas fitas simples para que possa sofrer replicação. A helicase quebra as ligações de hidrogênio entre as bases azotadas de ambas as cadeias de DNA, fazendo com que estas se separem.