Estas são as melhores séries da Netflix para maratonar

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apostando em seu estilo de lançamento de uma temporada inteira por vez, a Netflix fez com que suas séries se tornassem sinônimos de “maratona”. Com episódios repletos de reviravoltas e ganchos, as vezes é difícil resistir à tentação do “só mais um”.

A ideias da Netflix acabaram por influenciar e modificar completamente a forma como consumimos conteúdo, e permitiu que o público escolhesse ver um episódio por vez ou passar um dia inteiro assistindo uma série.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Certas séries, por seu enredo e estrutura, são excelentes para maratonas. Confira abaixo 10 delas!

Santa Clarita Diet

Santa Clarita Diet conta a história de uma corretora de imóveis da Califórnia que é infectada por um vírus ancestral e se torna uma zumbi canibal, sem perder o bom humor e a irreverência. Com performances excelentes de Drew Barrymore e Tymothy Olyphant, a série também conta um humor negro e bizarro que pode desagradar quem tem o estômago mais fraco. Mesmo assim, por seu enredo dinâmico e episódios curtos, a série é perfeita para uma maratona. Infelizmente, Santa Clarita Diet foi cancelada após sua terceira temporada.

Mandou Bem!

Mandou Bem! é daquelas séries que você pode assistir inúmeros episódios sem se cansar. O reality show e competição culinária traz amadores tentando reproduzir grandes obras de confeitaria. Os resultados são hilários, e a apresentadora Nicole Byer traz ainda mais bom humor para a produção. Os episódios são pequenos, em média 20 minutos, e podem ser vistos em qualquer ordem.

Love, Death + Robots

Produzida por David Fincher, Love, Death + Robots é uma antologia de animações que tratam das temáticas mais diversas, sempre apresentando um tom futurista e de ficção científica. Cada episódio é uma animação separada, com início meio e fim. As tramas são curtas e nenhuma dura mais que 20 minutos. Com vários temas, a série tem o potencial para agradar qualquer um que esteja procurando animações inteligentes e adultas. Entre os melhores episódios de Love, Death + Robots se destacam Beyond the Aquilla Rift, Zima Blue, Three Robots e Good Hunting.

Dark

Dark é ótima para maratonas pelas reviravoltas de seus episódios. Cada capítulo da série alemã termina com um choque ou revelação diferente, por isso é difícil parar após ver o primeiro episódio. Em uma trama de paradoxos e viagens no tempo, Dark é ambientada em 3 períodos diferentes da história de uma cidade alemã. Dark apresenta um enredo extremamente inteligente que exige do espectador grande atenção para as referências, pistas e easter eggs escondidos nos episódios.

Castlevania

Para quem gosta de animes, Castlevania é uma ótima opção. Embora a produção não seja japonesa, ela carrega os traços e estilo de animes consagrados. Produzida por Adi Shankar, Castlevania adapta a história do jogo homônimo, e foge dos clichês e saídas fáceis das adaptações de video-games. A série tem uma premissa simples: a esposa do Conde Drácula é acusada de bruxaria pela Igreja e queimada na fogueira, o que faz o vampiro quebrar uma longa trégua e jurar vingança contra todos os habitantes da Valáquia. Contrapondo o vilão estão o caçador de vampiros excomungado Trevor Belmont, a feiticeira Sypha Belnades e o meio-vampiro Alucard, filho de Drácula.

GLOW

Com 3 temporadas já lançadas, GLOW é uma das produções mais interessantes da Netflix. A dramédia conta a história das “Belas Mulheres da Luta-Livre”, um grupo de desajustadas que encontra em um programa de luta-livre uma chance de recomeçar e produzir algo divertido e importante. Com algumas das personagens mais cativantes da Netflix, GLOW é uma história humana, sensível e hilária, que traz discussões sobre problemas dos anos 80 que continuam relevantes até hoje. Os episódios de GLOW raramente ultrapassam meia-hora, o que torna a série perfeita para maratonas.

Boneca Russa

Protagonizada por Natasha Lyonne (Orange is the New Black), Boneca Russa é mais uma excelente série cômica com episódios curtos e premissa simples. A trama acompanha as desventuras de Nadia Vulvokov em uma história à lá “Dia da Marmota”. Na série, a personagem morre em seu aniversário e é obrigada a reviver o mesmo dia tentando romper o ciclo e escapar desse ciclo eterno. Boneca Russa conta com produção executiva de Amy Poehler, e já está renovada para a 2ª temporada.

O Mundo Sombrio de Sabrina

Com enredo dinâmico e tramas cativantes, O Mundo Sombrio de Sabrina é deliciosamente demoníaca. A série é um reboot sinistro e mais adulto da famosa personagem dos anos 90, e une puro terror com comédia e o estilo conhecido de séries teens. Não deixe os rótulos te enganarem: O Mundo Sombrio de Sabrina é uma série impressionantemente boa. Os enredos contam com uma boa dose de criatividade, e a introdução de elementos satânicos da história deixa tudo mais interessante.

She-Ra e as Princesas do Poder

She-Ra, a irmã gêmea de He-Man, era parte essencial dos desenhos dos Mestres do Universo nos anos 80. Nessa nova encarnação, She-Ra ganha sua trama própria, que é surpreendentemente criativa e cativante. Na série, a jovem Adora é uma agente da Horda, um exército conquistador que pretende dominar Ethernia. Após encontrar uma espada mágica, ela descobre que é a reencarnação da guerreira She-Ra, destinada a unir as Princesas e libertar o mundo da tirania de Hordak. A série animada conta com personagens bem desenvolvidas, representatividade e reviravoltas impressionantes na terceira temporada.

O Cristal Encantado: A Era da Resistência

Criada como um prelúdio ao filme O Cristal Encantado, de 1982, A Era da Resistência traz às telas da Netflix a magia e talento da companhia de Jim Henson. Produzida inteiramente com fantoches e um toque de computação gráfica, a série apresenta um enredo interessante, personagens adoráveis e uma verdadeira expansão à mitologia do mundo de Thra. O Cristal Encantado é ambientado em um mundo onde três Gelflings (criaturinhas humanóides com orelhas pontudas, semelhantes a elfos) inspiram os fogos da revolução contra a tirania dos Skeksis, seres desprezíveis que corromperam o Cristal Encantado titular. A primeira temporada da série foi lançada recentemente, e conta com um impressionante elenco de vozes que inclui Taron Egerton, Nathalie Emmanuel, Anya Taylor-Joy, Mark Hammil, Helena Bonham Carter, Lena Headey, Natalie Dormer, Jason Isaacs, Awkwafina, Alicia Vikander, Andy Samberg e Sigourney Weaver.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio