Com batalhas impressionantes, personagens carismáticos e tramas inteligentes, Vikings é uma das séries histórias de maior sucesso da atualidade.

Juntando as histórias épicas dos guerreiros nórdicos com dramas pessoais e desenvolvimento de personagens, a série consegue mexer com as emoções do público.

O site Screen Rant listou as 10 cenas mais emocionantes e tristes de Vikings; confira abaixo!


A despedida de Magnus

Após ser informado sobre a existência de um suposto filho com a Princesa Kwenthrith , Ragnar rejeita Magnus. Como o personagem não ganhou o apoio do nórdico, Aethelwulf também o rejeita e envia o jovem garoto ao exílio.

O aviso de Lagertha

Lagertha faz uma emocionante reflexão sobre traições, perdas e o custo da vida de uma guerreira Viking no túmulo de Kalf. A personagem orienta seu neto a sempre desconfiar as intenções das pessoas, pois traições sempre podem ocorrer.

A filha

Ainda na primeira temporada de Vikings, Ragnar é confrontado com a mortalidade após o falecimento de sua filha. A personagem Gyda morre aos 14 anos por uma peste que assolava Kattegat.

Ragnar e Aslaug

O relacionamento de Ragnar e Aslaug pode até ter começado bem, mas nos últimos anos foi marcado pela frieza e distanciamento do casal. Em uma cena triste, Ragnar afirma que seus filhos estarão mais seguros no saque de Paris do que na companhia de sua mãe.

Lembranças

Algumas das cenas mais emocionantes de Vikings trazem de volta lembranças do passado mais simples de Rangar. Em um episódio da quarta temporada, o guerreiro relembra sua família original: Lagertha e Bjorn, e reflete sobre a perda de sua juventude e seus amigos caídos.

A revelação

Na temporada mais recente de Vikings, Lagertha revela (não explicitamente) que Rollo é o verdadeiro pai de Bjorn. O jovem nórdico não aceita, e afirma que será para sempre filho de Ragnar, para a tristeza de Rollo.

Ivar

Quando Ivar nasceu, Ragnar decidiu que o filho não teria um vida completa e normal como Viking devido à sua deficiência. Em um momento realmente triste, ele deixa o bebê para morrer na beira de um rio, se arrependendo logo depois e o trazendo de volta a Kattegat.

A morte de Athelstan

Em um dos momentos mais surpreendentes de Vikings, Floki mata Athelstan. A morte do personagem não causa tanto impacto, mas a reação de Ragnar sim. O guerreiro carrega o corpo do amigo caído e o enterra em um lugar secreto, se despedindo de uma das pessoas mais importantes de sua vida.

Lagertha e Ragnar

O romance de Ragnar e Lagertha é com certeza o mais icônico de Vikings. Embora ele tenha abandonado a guerreira para se casar com Aslaug, Ragnar para sempre amaria sua primeira esposa. Após a morte do guerreiro, Lagertha é visitada pelo espírito do nórdico, e reafirma seu amor infinito por ele.

Adeus, Ragnar!

A morte de Ragnar deixou todos os fãs de Vikings com os olhos marejados. Ao invés de falecer silenciosamente no poço de serpentes, o guerreiro promete vingança, afirma que seu espírito será elevado a Valhalla e seus filhos virão para destruir todos os seus inimigos. Até mesmo Odin se emociona com a passagem do guerreiro.