10 momentos insanos do MCU que a Marvel não mostrou

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Marvel conta com o universo compartilhado de maior sucesso do cinema atualmente, que é o MCU.

Foram várias histórias ao longo de mais de uma década, e o ápice chegou com Vingadores: Ultimato, mas muitos momentos acabaram ficando de fora disso.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aqui estão dez grandes momentos que foram cortados ou descartados no MCU, o universo cinematográfico da Marvel.

Nick Fury fala sobre os X-Men (Homem de Ferro)

A cena pós-créditos de Homem de Ferro ficou marcada por ter a primeira menção à Iniciativa Vingadores, abrindo um caminho para um universo com mais personagens. Mas o que muita gente não sabe é que, inicialmente, Nick Fury mencionaria os mutantes também, além de dar uma sugestão de que o Hulk e o Homem-Aranha já existiam.

Isso acabou sendo alterado porque o Marvel Studios não tinha os direitos de todos esses personagens. Então, eles focaram nos Vingadores.

Magneto, Wolverine e Namor (Capitão América: O Primeiro Vingador)

Como a história de Capitão América: O Primeiro Vingador acontece na Segunda Guerra Mundial, a Marvel brincou com a ideia de ter uma aparição do Wolverine como um dos soldados aliados do Capitão América. Outra ideia era que Capitão América salvasse alguns prisioneiros dos campos de concentração, incluindo um jovem Magneto.

Namor, um dos aliados mais antigos do Capitão América, também teria uma participação especial. Mas todos esses personagens foram cortados porque Wolverine e Magneto eram da Fox, enquanto Namor permanece na Universal.

O Mandarim (Homem de Ferro)

O Mandarim seria o grande vilão de Homem de Ferro, já que é o maior antagonista do personagem nos quadrinhos da Marvel. No entanto, por ser descrito como um “vilão Fu-Manchu”, os produtores temiam que parecesse um estereótipo racista, então resolveram cortá-lo.

O roteiro foi reescrito para que Obadiah Stane fosse o grande vilão, o primeiro do MCU. Depois daquela bagunça em Homem de Ferro 3, o verdadeiro Mandarim estará em Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, sendo vivido por Tony Leung Chiu-Wai.

Ultron gigante (Vingadores: A Era de Ultron)

Essa foi uma cena controversa. No terceiro ato de Vingadores: A Era de Ultron, o diretor Joss Whedon queria que todos os robôs de Ultron se juntassem para formar somente um Ultron gigantesco, que causaria uma grande destruição.

A cena não deixou os produtores da Marvel contentes, e eles decidiram cortá-la. Mais tarde, Whedon reclamou disso e nunca mais voltou para fazer um filme para o estúdio.

Peter Dinklage como MODOK (Capitão América: O Soldado Invernal)

MODOK é um dos vilões mais marcantes e estranhos da Marvel. Ele é Arnim Zola, que nos quadrinhos passou sua consciência para um androide com uma forma um tanto bizarra.

Zola esteve em Capitão América: O Soldado Invernal, mas apenas falando através de um computador. A ideia era que ele passasse sua consciência para o androide como nos quadrinhos, e assim MODOK seria vivido por Peter Dinklage (Game of Thrones) em tela, mas os diretores acharam que isso seria fora do tom.

Capitão América e Caveira Vermelha lutam juntos (Vingadores: Ultimato)

Capitão América e Caveira Vermelha são dois grandes inimigos nos quadrinhos da Marvel. Mas eles quase tiveram um momento do mesmo lado em Vingadores: Ultimato.

Os roteiristas disseram que, inicialmente, Capitão América iria para Vormir, e num momento teria que se unir com Caveira Vermelha contra uma ameaça desconhecida. No fim, isso foi descartado e Viúva Negra e Gavião Arqueiro foram para lá, e a cena ficou mais simples.

Doutor Estranho usa o traje do Homem de Ferro (Vingadores: Guerra Infinita)

Em Vingadores: Guerra Infinita, os diretores consideraram incluir uma cena em que Homem de Ferro transferiria sua armadura para o Doutor Estranho para que ele pudesse se proteger dos ataques do Fauce de Ébano. Uma arte conceitual chegou a ser criada para esse momento.

No entanto, essa ideia de transferência de traje meio que já tinha sido feita em Homem de Ferro 3. Então eles acharam melhor não repetir.

Thor luta consigo mesmo (Vingadores: Ultimato)

Thor volta no tempo para 2013 em Asgard em Vingadores: Ultimato. Inicialmente, ele traria Homem de Ferro para ajudá-lo, e em algum momento eles encontrariam o Thor mais jovem, que brigaria com o mais velho, acreditando ser Loki disfarçado.

Isso foi cortado para que ele recebesse uma conversa com a mãe, Frigga, o que foi mais emocionante. A ideia de “lutar consigo mesmo” parecia clichê.

Thanos corta a cabeça do Capitão América (Vingadores: Ultimato)

Em Vingadores: Ultimato, quando Thanos de 2014 chega ao futuro, ele mencionaria que matou todos os Vingadores de sua linha do tempo. Para provar isso, ele apresentaria a cabeça decepada do Capitão América.

Isso foi cortado por um motivo somente: Disney. Seria muito pesado para um filme com tantas crianças assistindo.

A história de Thanos (Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato)

Thanos tem mais tempo de tela do que qualquer outro personagem em Vingadores: Guerra Infinita. Mas mesmo assim, sua história de fundo foi pouco explorada.

Ao longo de Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato, teríamos cenas mostrando mais o passado de Thanos, com ele quando criança e mais jovem. Os diretores perceberam que não podiam encaixar todas as ideias e, portanto, tiveram que remover a origem de Thanos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio