Mais do que você gosta.

Publicidade

Observações

7 opiniões controversas que fãs têm sobre La Casa de Papel

Série da Netflix é um grande sucesso e causa algumas discussões entre espectadores

Publicado por Bruno Tomé

14/12/2021 19:00

La Casa de Papel terminou na Netflix após cinco temporadas. Com o sucesso, os fãs discutem sobre alguns detalhes do seriado espanhol, o que traz até opiniões controversas.

No Reddit, o site Screen Rant levantou alguns comentários desse gênero sobre La Casa de Papel. O mais surpreendente é que muitos espectadores concordam com essas opiniões que não parecem populares.

Continua depois da publicidade

Entre elas, principalmente, estão discussões sobre alguns dos personagens que deram o que falar na Netflix. Confira abaixo sete opiniões controversas que os fãs têm sobre La Casa de Papel.

Berlim é superestimado

Alguns fãs acreditam que Berlim “é muito superestimado”. Como argumento, os assinantes da Netflix desse grupo no Reddit citam que “há personagens melhores para se gostar”, como Nairóbi, o Professor, Tóquio e Lisboa.

Berlim parece ganhar atenção no estilo “ame ou odeie”. Com tudo isso, o certo é que o personagem ganha série derivada própria, com lançamento na Netflix em 2023.

Reação de Helsinki é mais triste que a morte de Nairóbi

Um dos momentos mais tristes para os fãs de La Casa de Papel é a morte de Nairóbi. Mas, alguns internautas acham que a reação de Helsinki à notícia é de quebrar ainda mais o coração.

Após essa morte, Helsinki começa a tocar gaita com lágrimas nos olhos – os dois viveram juntos após o roubo da Casa da Moeda. Realmente, a reação deixa tudo ainda mais emocionante.

Arturo é necessário em La Casa de Papel

Após os dois assaltos em La Casa de Papel, muitos espectadores queriam um destino horrível para Arturo. Mas, nesse grupo, os internautas colocam o personagem como um “mal necessário” para o título da Netflix.

Para esses espectadores, a série “teria menos tramas” sem ele e ainda não levantaria tantas reações de raiva para um personagem como Arturo consegue.

Lisboa não deveria ter se juntado ao roubo no Banco da Espanha

Raquel vira Lisboa no Banco da Espanha, após fugir com o Professor no depois do assalto da Casa da Moeda. Mas, para esses fãs, a personagem “não tem uma contribuição significativa” para a equipe e para história.

Essa é uma opinião que gera muitas discussões. Desde que entra no Banco da Espanha, Lisboa se torna uma líder importante para o assalto continuar.

Denver e Manila foram subestimados

Para os fãs, Denver e Manila tinham potencial para entregar uma história mais interessante que Denver e Estocolmo. A relação dos dois, que são amigos de infância, fica presa a alguns flashbacks e rápidas declarações de amor.

Na quinta temporada, inclusive, essa trama é rapidamente resolvida. Manila, até mesmo, perde destaque na trama em La Casa de Papel.

Rio deveria ter morrido

Nem Tóquio, e nem Nairóbi, para esse grupo de assinantes da Netflix, Rio deveria ter morrido em La Casa de Papel. Para os espectadores, o personagem é apenas inteligente com tecnologia, mas não sabe como sobreviver em um assalto.

Com isso, na opinião desses fãs, o mais justo seria a sobrevivência de Tóquio, por exemplo. Os espectadores acham que Rio sempre estava pronto para entregar os pontos, com os outros precisando “limpar a bagunça” dele.

Tóquio não é tão ruim assim

Durante as primeiras temporadas de La Casa de Papel, os fãs se dividiram sobre Tóquio. Primeiro, a personagem quase comprometeu os planos na Casa da Moeda e agiu com imprudência em outros momentos, até mesmo no Banco da Espanha.

Mesmo assim, os espectadores desse grupo acreditam que Tóquio sempre deu tudo de si para o bando. Além disso, também foi responsável por momentos de tirar o fôlego na Netflix.

Todas temporadas de La Casa de Papel estão na Netflix.

Publicidade