Our Brand is Crisis pode fazer Sandra Bullock concorrer ao Oscar mais uma vez

Publicidade

Exibida no Festival de Toronto, a comédia política Our Brand is Crisis aumentou as chances de sua protagonista Sandra Bullock ser indicada pela terceira vez ao Oscar.

Baseada no documentário homônimo de 2005, a trama adaptada pelo roteirista Peter Straughan (Os Homens que Encaravam Cabras) funciona como uma sátira política a um ex-consultor do presidente americano Bill Clinton que decidiu utilizar sua experiência ao trabalhar nas eleições da Bolivia. George Clooney originalmente interpretaria o consultor na versão cinematográfica, mas o papel foi adaptado para Bullock enquanto Clooney permaneceu apenas como produtor do filme.

Sandra Bullock se beneficiará ainda com o fato de Our Brand is Crisis ser lançado em um ano marcado por produções com fortes personagens femininas, que devem predominar no Oscar 2016. Sua atuação como a consultora Jane “Calamidade” Bodine foi extremamente elogiada pelos críticos após a exibição em Toronto e a atriz chegou a receber uma salva de palmas, com direito a gritos de “Bravo! Bravo!” da plateia.

Continua depois da publicidade

Segundo a Variety, a personagem de Bullock é “facilmente um dos melhores papéis femininos dos últimos 10 anos”, enquanto o The Wrap destaca seu impecável timing cômico e humor negro no filme.

Assista ao primeiro trailer de Our Brand is Crisis

O filme da Warner Bros. será lançado em 30 de outubro nos EUA e ainda não tem previsão de chegar ao Brasil.

Billy Bob Thornton, Anthony Mackie, Scoot McNairy, Zoe Kazan , Ann Dowd e o ator português Joaquim de Almeida completam o elenco.

A direção ficou a cargo de David Gordon Green (Joe, Segurando as Pontas). George Clooney, que contracenou com Bullock em Gravidade, serve como produtor ao lado de Grant Heslov.

ourbrandiscrisposter

Publicidade
© 2021 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade