Duro de Matar: Ano Um | Bruce Willis terá “mais do que uma ponta” no filme de origem

Publicidade

Len Wiseman, diretor de Duro de Matar 4.0 e que retornará à franquia em Die Hard: Year One, comentou em entrevista ao /Film a participação de Bruce Willis neste sexto filme da série.

O cineasta confirmou que o novo Duro de Matar será uma mistura de prelúdio com reboot, e que mesmo se focando em um jovem John McClane, dará a devida atenção à versão atual do personagem (feita por Bruce Willis).

“Ele estará presente em mais de duas cenas. O que ele não fará é uma participação especial”, garantiu.

Continua depois da publicidade

Ainda segundo Wiseman, “o novo filme se passará nos dias atuais, mas também contará a história de origem do personagem – se você quiser chamar assim – que terá ramificações no presente de McClane. É um híbrido de prelúdio e sequência que eu nunca vi antes, e será incrivelmente diferente”, concluiu.

O diretor também sugeriu a volta de Holly (Bonnie Bedelia), o interesse amoroso de John McClane nos dois primeiros filmes, mas não quis confirmar se a intérprete da personagem também reaparecerá na nova história.

Die Hard: Year One (Duro de Matar: Ano Um) tem o mesmo título de uma série em quadrinhos do Boom! Studios, que contava as origens de McClane.

Duro de Matar 6 não tem cronograma definido. O último filme da saga, Duro de Matar: Um Bom Dia para Morrer, lançado em 2013, fez impressionantes US$ 304 milhões pelo mundo e introduziu o filho de John McClane.

Publicidade
© 2021 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade