Jogador Nº 1 | Steven Spielberg fala sobre a nostalgia dos anos 80: “É o que as pessoas tentarão resgatar”

Tye Sheridan em Jogador Nº 1, novo filme de Steven Spielberg.
Publicidade

A adaptação do livro Jogador Nº 1, de Steven Spielberg, é um dos filmes mais aguardados de 2018 e o lendário diretor deu alguns detalhes sobre como foi voltar aos ícones da cultura pop das décadas de 80.

Em entrevista para o site ComicBookMovie, Spielberg disse que o filme é: “uma fábula mas também uma aventura excitante e os anos 80 tem um essa relaxante ausência de cinismo, e em nossa história, o que é as pessoas tentarão resgatar. Em suas vidas reais, eles estão vivendo sob escombros na primeira metade do século 21”.

Jogador Nº 1 conta a história de Wade Watts, um jovem que vive em um mundo precário do ano de 2045, em que as pessoas do mundo estão envolvidas em uma caçada dentro do jogo de realidade aumentada OASIS. A caça é comandada após a morte do criador do programa, James Halliday, oferecendo ao vencedor sua fortuna e controle da empresa.

Continua depois da publicidade

Então, assim como em jogo atual, as pessoas entram no sistema dentro de avatares que elas mesmas criaram, e esse aspecto da história tem alguma relevância com o jeito que as pessoas interagem nos dias atuais. Perguntado sobre como os personagens interagem no OASIS, Steven disse: “Você tem que saber suas peculiaridades, mas você não sabe como a pessoa realmente é, até você conhecer ela no mundo real. Então, há a sempre dúvida: elas estão contando a verdade sobre elas mesmas?”

Jogador Nº 1 | Chucky, o Brinquedo Assassino, aparece no trailer mais recente

O elenco do filme conta com Tye Sheridan, Mark Rylance, Ben Mendelsohn, Olivia Cooke, Simon Pegg, T.J. Miller e Win Morisaki.

Jogador Nº 1 chegará aos Brasil em 5 de abril de 2018.

Publicidade
© 2021 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade