Zac Efron diz que amigos o benzeram após ter interpretado serial killer

Zac Efron
Publicidade

Os amigos próximos de Zac Efron não mediram esforços para “limpar espiritualmente” o ator após ter interpretado um serial killer no cinema.

Efron estrela Extremely Wicked, Schockingly Evil and Vile, onde faz o serial killer Ted Bundy, responsável por dezenas de assassinatos nos anos 1980, sendo executado em 1989.

Extremely Wicked, Shockingly Evil, and Vile | Zac Efron mostra personagem de Jim Parsons em foto

Continua depois da publicidade

Com o intuito de fazê-lo mais calmo e limpar ele de toda energia negativa que o personagem possa ter passado para o ator, seus amigos decidiram ajudá-lo espiritualmente, o benzendo e colocando em rituais espirituais.

Perguntado sobre como foi interpretar o assassino, Zac respondeu: “Foi ótimo. Eu fui pra casa e meus amigos começaram a queimar sálvia para mim. Sabe, uma limpeza espiritual. Mas foi divertido fazer ele. Claro que isso não glorifica Ted Bundy. Ele não era uma pessoa para ser glorificada”.

O ator continuou depois: “Simplesmente conta a história dele e como o mundo pode ter sido enganado por essa pessoa extremamente má. Foi divertido experimentar esse tipo de camada”.

Ainda não há previsão de estreia para Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile no Brasil.

Publicidade
© 2021 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade