Venom | Diretor compara filme com O Médico e o Monstro

Publicidade

A Sony havia prometido uma abordagem diferente para Venom, filme derivado do vilão do Homem-Aranha que irá marcar o início de seu novo universo cinematográfico.

Visando explorar a relação entre o Eddie Brock de Tom Hardy e o simbionte alienígena, o diretor Ruben Flesicher citou Um Lobisomem Americano em Londres como inspiração comparou seu filme a um dos maiores clássicos da literatura durante entrevista ao USA Today.

“No clássico O Médico e o Monstro, ele é o Hyde de verdade. Ele vai arrancar a cabeça de alguém e comer seu cérebro. Há essa qualidade de fruto proibido desse cara que pode fazer o que quiser. Mas também há um lado engraçado para essa figura ameaçadora, incluindo uma língua besta que sempre está balançando pra fora de sua boca, o que contrasta com a ferocidade da mandíbula”, explica o diretor.

Continua depois da publicidade

Venom | Tom Hardy divide a cena com vilão em capa de revista

Desenvolvido pela Sony, Venom pretende abordar um lado anti-herói do vilão, e não deve contar com a presença do Homem-Aranha. A ideia do estúdio é estabelecer seu próprio universo compartilhado com personagens do Cabeça de Teia, colocando responsabilidade nos ombros do diretor Ruben Fleischer (Zumbilândia).

Tom Hardy, Michelle Williams, Riz Ahmed e Woody Harrelson compõem o elenco principal.

Venom estreia nos cinemas brasileiros em 4 de outubro.

Publicidade
© 2021 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade