Guardiões da Galáxia | Dave Bautista revela não ter medo de ser demitido pela Disney

Publicidade

Dave Bautista demonstrou ser o maior defensor de James Gunn nas últimas semanas. Depois da demissão do diretor de Guardiões da Galáxia, pela Disney, Bautista abriu o jogo inúmeras vezes, chegando a dizer que “não sabe se quer trabalhar mais para a Disney”.

Agora, em entrevista ao Hey U Guys, o ator revelou que não será silenciado pelo risco de ser mandado embora pela Disney.

“Não. Estou ciente de que isso possivelmente pode custar um trabalho que gosto muito, mas, ao mesmo tempo, é uma questão de integridade. É também uma questão de lealdade, então não vou… não [vou] morder minha língua, ou algo assim. Esse é quem eu sou como pessoa”, revelou o ator.

Continua depois da publicidade

Guardiões da Galáxia | “Não sei se quero trabalhar para a Disney”, diz Dave Bautista

“[Se for] o suficiente para me custar um trabalho, acontece. Você não pode ameaçar um homem pobre com a pobreza; eu cresci na pobreza. Eu sei o que é ser pobre. Eu não tenho medo de perder dinheiro, não significa nada para mim. Eu vou lutar em quintais, na frente de dez pessoas, se eu tiver de sobreviver, então não serei flexível em relação à minha integridade”, continuou Bautista. “Eu vou falar o que penso e tentarei não ser desrespeitoso”.

Dito isso, Guardiões da Galáxia 3 continua sem previsão de estreia. Dave Bautista recentemente confirmou sua aparição em Vingadores 4, mas disse que o filme pode acabar mudando em razão do adiamento de Guardiões.

Vingadores 4 tem estreia marcada para o dia 2 de maio de 2019.

Publicidade
© 2022 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade