The Chronology of Water | Kristen Stewart quer explorar sexo de forma vulgar em sua estreia como diretora

Publicidade

Após estourar na franquia Crepúsculo e reinventar sua carreira como uma atriz de escolhas fascinantes no cinema americano independente, Kristen Stewart prepara-se para dirigir seu primeiro filme.

Em entrevista à Mastermind Magazine (via The Playlist), a atriz falou um pouco sobre o que pretende fazer em The Chronology of Water, onde também atua como roteirista ao adaptar a memória de Lidia Yuknavitch. Mas especificamente, Stewart deseja quebrar o tabu de histórias adolescentes e realmente aprofundar a descoberta do sexo para uma menina.

“Em todas as histórias de coming of age sobre uma jovem garota, mesmo que seja a coisa mais verdadeira e sincera, o que está faltando é a falta de honestidade física de experiências femininas de verdade, e como descobrimos nosso corpos. É como se tivéssemos medo de usar certas palavras”, dispara a atriz.

Continua depois da publicidade

As Panteras | Kristen Stewart garante que reboot não será uma imitação

“Minha fala preferida neste filme que estou escrevendo é ‘Eu pensei sobre Sienna Torres e ela enfiando a mão na minha vagina tão aberta quanto uma boca dizendo filho da p***. Isso não é algo que as pessoas estariam confortáveis em ouvir, até agora, mas acho que é a hora perfeita. Não há nada sujo sobre isso, mas eu definitivamente quero ser vulgar, e eu definitivamente vou ser irreversivelmente aberta sobre o fato de que somos seres inteiramente sexuais”, promete Stewart.

Ainda que atue como diretora e roteirista em The Chronology of Water, Stewart não fará o papel da protagonista, que deverá ser escalado assim que seu trabalho no roteiro estiver completo.

The Chronology of Water ainda não tem data de estreia.

Publicidade
© 2021 Observatório do Cinema | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade