Cuidado! Contém SPOILERS de Doutor Estranho #17!

A Marvel repetiu com Doutor Estranho o que ficou conhecida como a pior história de todas nos quadrinhos. One More Day, arco severamente criticado do Homem-Aranha, aconteceu de novo na editora.

Em One More Day, lançado em 2008, a Marvel apagou acontecimentos de três anos na vida de Peter Parker, incluindo a revelação da sua identidade e o casamento com Mary Jane. A editora usou um acordo com Mefisto para salvar Tia May como desculpa para fazer essa reviravolta.


Em Doutor Estranho #17, é Mefisto de novo quem aparece para fazer um acordo com Stephen Strange, que precisava salvar o mundo. Assim como aconteceu com Peter Parker, o herói teve uma parte de sua vida apagada: o romance com Clea.

Na HQ, o Doutor Estranho precisou fazer o acordo porque a realidade estava em jogo. Galactus e Dormammu estavam unidos e consumindo planetas. No entanto, os dois deixaram escapar que trabalhavam com Mefisto, que mantinha Clea como refém.

Stephen Strange precisou dialogar com o vilão e teve o preço cobrado. O herói conseguiu magia suficiente para salvar o universo, mas precisou apagar a memória de sua amada. Resta saber se, como o Homem-Aranha, esse amor voltará a renascer.

Confira a prévia abaixo.

Doutor Estranho #17 está disponível nas bancas de quadrinhos.