Publicidade

Até heroína da Marvel se cansou de histórias pobres para mulheres em HQs

Publicado por Alemão

24/10/2019 13:30

SPOILERS DE AMAZING MARY JANE #1

Mary Jane Watson pode ser mais conhecida como ‘namorada do Homem-Aranha’, mas ela está deixando claro que isso não é tudo o que tem a oferecer.

A personagem estreou em sua primeira série de quadrinhos solo esta semana, Amazing Mary Jane #1, e nas primeiras páginas destaca personagens femininas mal escritas, iniciando uma luta por uma melhor representação.

A primeira edição começa com Mary Jane atuando em um filme de super-herói de grande orçamento, lutando contra vários dos inimigos mais famosos do Homem-Aranha.

Algo não parece certo quando o diálogo dela, mesmo sendo uma super-heroína, diz: “Oh não! Socorro – eu fui contida! Alguém me ajude”.

Quando a cena termina, Mary Jane agarra um membro da equipe de produção para expressar suas frustrações.

Ela questiona por que o roteiro exige que ela lute com um macacão de látex estridente, um traje que tende a priorizar o sexy ao invés de ser funcional para a luta.

Mary Jane também fala sobre o subdesenvolvimento de sua personagem, já que seu objetivo é apenas ajudar o herói principal, lutando ao lado dele porque ela está apaixonada, ou seja, a tratando apenas como um interesse amoroso.

A HQ promete abordar várias questões sobre o subdesenvolvimento de personagens femininas nos quadrinhos ao longo de suas edições.

Amazing Mary Jane #1 já está à venda nas bancas de quadrinhos norte-americanas.

Publicidade