O Wolverine é conhecido como um dos mutantes mais durões de X-Men, mas antes de se tornar um grande herói na Marvel, o pequeno Logan era atormentado por um homem chamado… Cookie.

Sim, depois de matar seu próprio pai – por acidente – e fugir de casa, o pequeno James Howlett (que mudou seu nome para Logan) acaba caindo nas mãos do sádico cozinheiro Cookie Malone. O CBR contou essa história.

Vilão de nome inusitado

Apesar de não ter nenhum poder – e de possuir um nome ridículo – o velho Cookie fez bullying com o pequeno Wolverine por anos.


Fingindo ser amigo do garoto inicialmente, Cookie fez terror psicológico constante com Wolverine. Ele chegava a oferecer comida apenas para agredir o garoto depois, demonstrando toda a sua crueldade.

Mesmo sendo mais poderoso, Wolverine nunca conseguiu reagir a opressão de Cookie. No fim, o vilão ainda prejudicou o mutante de forma irreversível.

Depois de perder a memória, Logan tinha os seus registros do passado localizados em um diário. Sabendo disso, Cookie destrói o diário de Wolverine para sempre, o que faz com que ele perca memórias importantes.

No fim, a experiência com Cookie moldou Wolverine, que se transformou em um herói dos X-Men no futuro. De certa forma, a rejeição de Logan por “valentões” acabou vindo de sua experiência traumática com Cookie.