ALERTA DE SPOILERS

Nos quadrinhos da Marvel, a formação dos Vingadores está um pouco diferente. Até por isso, um herói, há algum tempo, é o novo líder do grupo.

Com apoio do Capitão América e do Homem de Ferro, o Pantera Negra foi escolhido como o novo líder dos Vingadores. Os quadrinhos da Marvel voltam a mostrar que o personagem também pode assumir essa posição no MCU, o universo cinematográfico da editora.

Desde a liderança do Pantera Negra, os Vingadores tiveram algumas missões. Entre elas, jornadas cósmicas e batalhas nos reinos nórdicos.


O herói da Marvel mostrou ser um bom líder. Mas, em Vingadores #33, o Pantera Negra tem uma atitude de um personagem que merece muito mais destaque – e definitivamente a liderança do grupo em outras adaptações.

Tudo começa com a volta do Cavaleiro da Lua nos quadrinhos da Marvel. O anti-herói volta com uma missão: salvar a Terra.

Porém, aos olhos do Deus dele, Khonshu, isso será feito se o personagem dominar o mundo e transformá-lo em um enorme Egito Antigo. Com isso, o Cavaleiro da Lua entra em rota de colisão com os Vingadores.

Líder dos Vingadores

Na edição, o Cavaleiro da Lua declara guerra contra os Vingadores. Com um exército de múmias, o anti-herói chega a derrotar personagens como o Doutor Estranho.

Mas, o encontro com o Pantera Negra foi o mais revelador. Quando o Cavaleiro da Lua chega em Wakanda, o personagem, em contato com o Capitão América, pede para que todos fiquem na base dos Vingadores.

O Pantera Negra quer que o Estigma seja defendido. O poderoso pode ser uma chave para a dominação do Cavaleiro da Lua.

Assim, o Pantera Negra decide enfrentar sozinho o exército do Cavaleiro da Lua. Ao mesmo tempo, passa a liderança para o Capitão América, se ele não sobreviver.

O Pantera Negra colocou os outros como prioridade e decidiu se sacrificar para proteger todos, incluindo Wakanda.

Com isso, o herói deveria também ganhar a liderança no MCU – uma vez que o Capitão América e o Homem de Ferro não estão mais nos cinemas.

Vingadores #33 está disponível nos Estados Unidos.