DC coloca Batman atrás das grades

São tempos difíceis para Bruce Wayne

Publicado em 12/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As coisas não estão fáceis para o Batman nos quadrinhos da DC. Ele foi recentemente preso por dois crimes separados – em duas histórias diferentes!

Primeiro, há Detective Comics #1037. Nessa edição, Bruce Wayne, o Batman, é investigado pelo assassinato de Sarah Worth e Lydia Warren.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Bruce se tornou um suspeito no caso porque seus vizinhos o viram sendo confrontado por Lydia sobre Sarah entrar em seu apartamento (na verdade, era uma versão feminina do Cara de Barro, que pode mudar de forma).

Toda a culpa pelo que acontece com as duas mulheres (pelo menos, o que parece que acontece) é transferida para ele.

Bruce é levado ao Departamento de Polícia de Gotham City como possível suspeito. Infelizmente, toda a sua encenação de “playboy bilionário” não funciona quando ele tenta convencer aos policiais de que não tem nada a ver com o crime.

Para complicar para Bruce, ele não pode dizer toda a verdade aos policiais, já que é o Batman! Incapaz de provar sua inocência, Bruce é formalmente preso como suspeito do crime.

A história ganha mais intensidade quando o Sr. Worth, o pai criminoso de Sarah, aparece para matar Bruce como um ato de vingança pela filha.

Ele o ataca com uma bazuca, o que, em meio ao estrago, possibilita que Bruce fuja para se vestir como Batman e resolver o caso da maneira que sabe.

Acusado de dois crimes separados

A segunda história em que Bruce Wayne se torna o suspeito de um crime é a recente Batman: The Detective #3.

Nessa edição, o antigo mentor de Bruce, Henri Ducard, é atacado pelos misteriosos assassinos que querem eliminar cada uma das pessoas que o Batman já salvou.

Bruce é capaz de salvar Henri ao levá-lo para um hospital na França, mas logo é confrontado pela polícia local. Dada a sua conexão pública com Henri, Bruce vira o principal suspeito no caso.

Para piorar as coisas, quando é preso, Bruce é informado de que o ataque a Henri é agora considerado um assassinato. Pelo menos publicamente, o antigo mentor de Bruce é agora tido como morto.

As duas histórias em quadrinhos mencionadas do Batman, da DC, já estão à venda nos Estados Unidos. Confira no fim da matéria imagens de ambas.

No cinema, Batman será vivido por Robert Pattinson em um reboot previsto para 4 de março de 2022.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio