DC revela versão LGBT de Liga da Justiça

Como parte do mês do orgulho, editora revelou seu novo time de personagens

Publicado em 11/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como parte do mês do orgulho LGBT, a DC Comics lançou DC Pride #1 nos Estados Unidos. A nova história em quadrinhos traz a Liga da Justiça Queer, uma nova versão da Liga da Justiça.

A nova equipe conta com alguns dos maiores personagens LGBT da história da DC Comics. Alguns desses nomes são Aqualad, Batwoman e Extraño, um personagem de destaque sobre o qual falaremos mais abaixo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Confira abaixo uma página da história em quadrinhos com a Liga da Justiça Queer reunida. A imagem foi compartilhada pelo Screen Rant.

Quem lidera a equipe?

Enquanto a Liga da Justiça é liderada pelo Superman (ou pelo Batman, como mostrado em quadrinhos mais recentes), a Liga da Justiça Queer traz Extraño, o personagem de destaque que mencionamos anteriormente, como líder.

Ele é mesmo uma escolha muito adequada para o posto de liderança.

Por quê? Ora, porque Extraño, apesar de não ser muito conhecido pelo grande público, foi o primeiro super-herói abertamente gay na história da DC Comics.

Ele estreou nos quadrinhos em 1988, durante uma época considerada revolucionária para essa mídia. O personagem é casado com Hugh Dawkins, também conhecido como Diabo da Tasmânia, que, aliás, também faz parte desta Liga da Justiça Queer.

DC Pride #1, com a Liga da Justiça Queer, já está disponível nos Estados Unidos. Não se sabe quando ou se a história em quadrinhos também pode ser publicada no Brasil.

Em outra mídia, a Liga da Justiça (em sua versão padrão) esteve recentemente no “Snyder Cut”, lançado no Brasil para aluguel nas principais plataformas de streaming.

Não se encontra mais disponível, mas estará de volta na HBO Max, serviço de streaming que estreia no Brasil em 29 de junho.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio