Publicidade

Humilde

Superman admite que herói da DC é melhor do que ele

Clark Kent pode passar o manto para um novo personagem

Publicado por Victor Carvalho

29/06/2021 18:54

Em Superman #32, da DC, Superman admite que seu filho, Jonathan Kent, também conhecido como Superboy, é e sempre será um herói maior do que ele. Isso vem depois de uma longa série de edições que indicam que o Superboy vai assumir o manto do Superman em breve.

Aos poucos, Jonathan provou que está pronto para se tornar algo maior. Foi enfatizado e mostrado através da perspectiva do Superman enquanto ele observa a maneira como Jonathan se comporta como um herói.

Em edições recentes de Action Comics, Superboy provou ser menos heroico, graças ao seu medo extremo de perder o pai. Embora seu medo de perder o Superman esteja presente, nas edições recentes de Superman ele mostrou o contrário. Jonathan é um grande herói e está bem equipado para lutar contra os seres cósmicos que o Superman luta.

O Superboy tem muitas qualidades que ele compartilha com o Superman, mas existem algumas coisas que o fazem se destacar. Ele demonstrou um controle melhor e mais matizado de seus poderes, que entra em jogo nesta edição quando ele é capaz de usar sua visão de calor de maneiras que o Superman não consegue.

Em Superman #32, de Phillip Kennedy Johnson, Scott Goolewski e Gabe Eltaeb, Superboy derrota o inimigo mais antigo do Superman, o Shadowbreed. Ele faz isso deixando escapar uma explosão de visão de calor ultravioleta. Isso é algo que nem mesmo o Superman pode fazer, mas o Superboy pode e ele o faz.

Superboy se torna Superman por um período enquanto uma civilização inteira o considera um salvador, semelhante a como Superman é considerado o campeão e protetor da Terra. Superman revela que os futuros heróis olharão para Jonathan como o herói que as pessoas irão se comparar.

O possível novo Superman da DC

Na narração do Superman, ele menciona como Jonathan foi testado de maneiras que Clark não seria capaz de lidar com sua idade. Ele reflete sobre como Jonathan persistiu em tudo e voltou como o “garoto compassivo, altruísta, extrovertido e feliz” que era quando partiu para o futuro.

A cada passo, o Superboy impressionou o Superman. A resiliência que Jonathan demonstrou ao longo de suas viagens desafia tudo o que Clark já viu antes. Logo depois disso, Superman responde às dúvidas de Jonathan sobre ser tão bom quanto ele.

Ele afirma que nunca deve se considerar apenas “o filho do Superman”, mas como um grande super-herói em seu próprio direito. Clark basicamente admite que Jonathan pode se tornar um Superman muito melhor do que ele (via Screen Rant).

Superman #32, da DC, já está à venda nos Estados Unidos.

Publicidade