Mais do que você gosta.

Publicidade

Chocante

Ato mais grotesco do Hulk é pesado demais para o MCU

Gigante Esmeralda fez uso criativo dos próprios poderes

Publicado por Guilherme Coral

27/07/2022 10:33

O Hulk, na maior parte das vezes, pode parecer uma montanha de músculos sem muita inteligência. Mas Bruce Banner sabe muito bem como usar seus poderes. Um uso deles dos quadrinhos certamente jamais será adaptado para o Universo Cinematográfico Marvel (MCU).

A mais perturbadora das ideias de Banner foi um uso genial da capacidade do Hulk de se curar de qualquer coisa, mas de uma maneira que é muito grotesca para os fãs de cinema verem na tela grande.

Continua depois da publicidade

Como sua força, a durabilidade de Hulk aumenta com sua raiva, muitas vezes fazendo parecer que ele é imune a danos. No entanto, este não é o caso, e contra oponentes suficientemente perigosos, Hulk é capaz de sofrer ferimentos graves, momento em que seu fator de cura entra em ação para reparar seu corpo.

Embora ele não seja tão conhecido por sua cura como heróis como Deadpool ou Wolverine, Hulk se cura incrivelmente rápido e é até capaz de armar o processo (por exemplo, remontando seu corpo em torno de um inimigo para ‘engoli-lo’).

Hulk é capaz de assumir o corpo de Bruce Banner e curar seus ferimentos sempre que seu lado humano for prejudicado.

Ato bizarro do Hulk

Bruce transformou isso em uma vantagem terrível em Absolute Carnage: Immortal Hulk (de Al Ewing e Filipe Andrade), no qual o simbionte serial-killer está rastreando todos que já receberam um simbionte, não importa quão brevemente.

Quando o corpo do antigo Red Hulk, o General ‘Thunderbolt’ Ross é desenterrado, Bruce Banner e Red Harpy (aka Betty Ross) decidem investigar, mas encontram um problema logístico.

A única maneira de chegar lá a tempo é a Harpia Vermelha voar, mas carregar Bruce vai atrasá-la o suficiente para que os dois fugitivos sejam vistos. Horrivelmente, Bruce percebe que pode usar a cura de Hulk para resolver o problema deles, perguntando a Red Harpy: “E se… Você… E se você me dobrasse?”.

Red Harpy faz o que ele pediu, ‘dobrando’ Bruce Banner em uma conveniente bola de vísceras e levando-o para a cena. A aventura acontece durante a era Hulk Imortal, quando Hulk surge à noite, e não em resposta ao estado emocional de Bruce.

Assim, Bruce permanece morto até o pôr do sol, momento em que o Hulk cura seu corpo e emerge. Bruce observa que “a mudança provavelmente doeu muito mais do que o normal” e que, devido à diferença de tamanho, o Hulk emergindo teria sido “como um airbag inflando”.

O momento se destaca como particularmente perturbador por causa de como Bruce Banner reconfigurou tão absolutamente sua compreensão de seu próprio corpo.

Os quadrinhos do Hulk podem ser adquiridos por meio de plataformas digitais.

Sobre o autor

Guilherme Coral

Guilherme Coral

Refugiado de uma galáxia muito muito distante, caí neste planeta do setor 2814 por engano. Fui levado, graças à paixão por filmes e séries, ao curso de Cinema e Audiovisual e atualmente me aventuro pela faculdade de Jornalismo.

Publicidade