A Netflix adquiriu os direitos de transmissão global de três novas séries, Jane the Virgin, Zoo e a inédita Colony, informou a Variety.

Não foram divulgados detalhes sobre as negociações nem quanto a rede de streaming pagou pelos direitos de exibição dos seriados. Com os acordos, as atrações também devem chegar aos usuários brasileiros da Netflix.

A plataforma já se mostrou benéfica para algumas séries como Breaking Bad. Em 2013, a finada série viu a audiência da estreia de sua temporada dobrar em relação às outras após a Netflix disponibilizar toda a temporada anterior para seus assinantes numa estratégia sem precedentes.


Baseada na telenovela venezuelana Juana La Virgen, Jane the Virgin gira em torno de Jane (Gina Rodriguez), uma adolescente religiosa que, devido a um erro médico, recebe inseminação artificial. A segunda temporada estreia em 12 de outubro nos EUA.

Adaptação do livro de James Patterson, Zoo gira em torno do zoologista Jackson Oz (James Wolk), que começa a perceber um estranho comportamento dos animais de diferentes espécies na África, região em que trabalha. Com o tempo, os animais começam a atacar as pessoas de forma constante e coordenada, sem qualquer provocação, nas maiores cidades do mundo. Jackson então se junta a uma equipe de especialistas para desvendar o mistério e evitar a extinção da humanidade.

Os 13 episódios da primeira temporada já foram exibidos nos EUA pelo canal CBS e por enquanto estão disponíveis apenas na Netflix norte-americana.

Por sua vez, Colony é uma série de invasão alienígena coproduzida por Carlton Cuse, um dos criadores de Lost, e Ryan Condal (Hercules).

Situado em um futuro não muito distante, o drama de ficção científica vai acompanhar o ex-agente do FBI Will Bowman (Holloway), forçado a voltar a trabalhar com o governo para deter uma crescente ocupação alienígena na cidade de Los Angeles. À medida que a ocupação cresce, uma resistência contra os aliens se fortalece. Sarah Wayne Callies (The Walking Dead) e Peter Jacobson (House) coestrelam.

O seriado começa a ser exibido em 14 de janeiro na TV americana e deve chegar a Netflix entre o final de 2016 e o início de 2017.