Supergirl voou alto na audiência em sua estreia na noite de segunda-feira (26) na TV americana, segundo dados preliminares do instituto Nielsen.

Aliado a curiosidade de fanboys/fangirls com a grande audiência que recebeu de sua antecessora no horário (The Big Bang Theory), Supergirl registrou média de 12,9 milhões de espectadores e 3.2 pontos na audiência qualificada (18-49 anos), retendo 76% do público jovem-adulto da comédia nerd.

A série sobre a prima do Superman foi a segunda maior audiência da noite nos EUA, atrás apenas de Big Bang, e a melhor estreia entre as novas séries da temporada 2015-2016 da TV americana.


No Brasil, a série da heroína começa a ser exibida em 4 de novembro, às 22h30, pelo canal pago Warner.

A série da Supergirl gira em torno de Kara Zor-El (Melissa Benoist, de Glee) que, aos 12 anos, foi enviada de seu moribundo planeta Krypton para a Terra, onde foi acolhida pela família Danvers, que a adotou e ensinou Kara a ser cuidadosa com seus extraordinários poderes.

Após reprimir suas habilidades por mais de uma década, aos 24 anos Kara é forçada a expor seus poderes em público durante um inesperado desastre. Empolgada com o seu primeiro ato de heroísmo, ela começa a abraçar suas habilidades sobrehumanas para ajudar as pessoas de sua cidade e se tornar a heroína que estava destinada a ser.

Greg Berlanti (Arrow, The Flash) assina a produção executiva ao lado de Geoff Johns, chefe da DC Comics.