Atenção para os spoilers!

Andrew Kreisberg, produtor de The Flash, conversou com a Entertainment Weekly sobre um dos eventos da estreia da segunda temporada da série nos EUA, nesta terça-feira (6).

Questionado sobre a morte de Ronnie Raymond/Nuclear (Robbie Amell), o produtor disse que “você nunca está morto de verdade em The Flash, que é um programa de TV sobre universos alternativos e viagens no tempo”.


“De fato ele foi morto naquele momento, mas isso não significa que vimos a última cena de Robbie Amell nesta série. Certamente, Robbie e eu esperamos trabalhar juntos de novo em The Flash, ponderou.

Kreisberg explicou que Amell deixou a série para poder se dedicar a outros trabalhos e comentou ainda sobre o impacto que a morte de Ronnie terá sobre os outros personagens.

“A morte de Ronnie tem um impacto maior em Barry, Caitlin (Danielle Panabaker) e Professor Stein. Isso também nos dará um monte de histórias para contar. Todos sabem que uma nova série vem aí, Legends of Tomorrow. Eles sabem do legado do Nuclear e isso só nos deu um rico material para explorarmos”.

Veja trailers do segundo episódio

The Flash introduzirá Wally West (feito por Keiynan Lonsdale), o Kid Flash, em sua nova temporada. Nos quadrinhos, Wally West é sobrinho de Iris West, eventual esposa de Barry Allen, e o terceiro a assumir a identidade de Flash. Antes disso, Wally serviu como assistente do herói e foi um dos fundadores dos Teen Titans.

Também participam da segunda temporada Teddy Sears (Masters of Sex), escalado para viver Jay Garrick, o Flash original dos quadrinhos – na série, o personagem chega em Central City para alertar Barry Allen e seus aliados sobre uma grande ameaça que está a caminho; e Shantel VanSanten (One Tree Hill, The Messengers) que fará Patty Spivot, detetive obcecada por metahumanos e que se tornará parceira de Joe, bem como interesse amoroso de Barry Allen. O Professor Zoom deve ser um dos vilões do segundo ano da série.

Tudo sobre: The Flash