Simon Kinberg, produtor dos filmes de X-Men e da vindoura série de TV baseada nos quadrinhos da saga, Legião (Legion), descreveu brevemente o tom do programa em entrevista ao Collider.

“O que eu estou vendo da parte de Noah Hawley [roteirista] e do canal FX em relação a Legião é a intenção de se fazer algo completamente original dentro do gênero, e de certas formas meio que romper o paradigma de quadrinhos ou histórias de super-heróis, quase fazendo um Breaking Bad das séries de super-heróis”, adiantou.

As filmagens do piloto de Legião começam no próximo ano e se a série for aprovada, deve ganhar uma primeira temporda com 10 a 13 episódios.


Em entrevista anterior, Hawley disse que o seriado não terá conexão com os filmes de X-Men. “Será algo independente. Eu não quero falar muito sobre isso tão cedo, mas pode ter certeza de que a série não foi feita como suporte para nada. É apenas uma história que eu gostaria de contar e que pode se encaixar num universo mais expandido, o que é bem emocionante”, afirmou o roteirista/produtor.

Legião (Legion) contará a história de David Haller que, desde a adolescência, vem lutando contra uma doença da mente. Diagnosticado como esquizofrênico, David tem entrado e saído de hospitais psiquiátricos por anos. Mas depois de um estranho encontro com um paciente, ele é confrontado com a possibilidade de que as vozes que ouve e as visões que vê podem ser reais.

Noah Hawley (Fargo, Bones) vai escrever a série e também assinará a produção executiva com Lauren Shuler Donner, Bryan Singer, Simon Kinberg, Jeph Loeb, Jim Chory e John Cameron.

Além de Legião, a Marvel e Fox anunciaram a produção de uma segunda série do universo X-Men, Clube do Inferno (Hellfire). Situada nos anos 60, acompanhará um jovem agente especial que descobre que uma mulher faminta por poder e com habilidades extraordinárias está trabalhando com uma sociedade clandestina de milionários, conhecida como The Hellfire Club, para dominar o mundo.

Bryan Singer, Simon Kinberg e Lauren Shuler Donner, respectivamente diretor, roteirista e produtora dos filmes de X-Men, servirão como produtores executivos ao lado de Evan Katz, Manny Coto, Jeph Loeb, Jim Chory, Patrick McKay e JD Payne, sendo os dois últimos também responsáveis pelo roteiro. Katz e Coto serão os showrunners, cuidando do dia a dia do programa.

Os seriados já receberam sinal verde para a produção de seus episódios pilotos e devem ser lançadas entre 2016 e 2017.