Johnny Galecki, o intérprete de Leonard em The Big Bang Theory, revelou que originalmente foi escalado para viver o Sheldon na série nerd.

Em entrevista à Variety, ele conta que pediu aos produtores para trocar seu personagem e poder encarnar, ao invés do protagonista, o seu melhor amigo.

“Foi um pedido muito egoísta da minha parte. Eu não consegui me identificar com aquelas histórias [do Sheldon]. Frequentemente me escalam como o melhor amigo ou o assistente gay, mas [em Big Bang] eu disse que gostaria de interpretar o outro cara, que parece ter um futuro de triunfos, romances e dificuldades”, justificou.


O ator também foi questionado sobre a nova fase do relacionamento de Leonard e Penny na nona temporada. Segundo Galecki, o casamento entre os dois deve ser turbulento.

“Estou animado com o fato de Leonard e Penny finalmente terem parado de conversar sobre o assunto e irem em frente com isso, mas o que não soluciona quaisquer problemas ou resolve quaisquer questões entre os dois. Então, essa nova fase do amor deles terá dificuldades”, adiantou.

O episódio que irá ao ar nos EUA nesta quinta, 5 de novembro, contará com a participação de Adam Nimoy, filho de Leonard Nimoy, o eterno Spock da série de Jornada nas Estrelas (Star Trek).

Em The Big Bang Theory, Adam interpretará a si mesmo, sendo entrevistado por Sheldon (Jim Parsons) sobre a vida de Leonard Nimoy.

A nova temporada de The Big Bang Theory estreou em 21 de setembro nos EUA e uma semana depois no canal pago Warner.