Três é Demais | Retorno das irmãs Olsen na série derivada é descartado

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fuller House, série que continuará os eventos de Três é Demais (Full House), definitivamente não terá a volta de Mary-Kate Olsen e Ashley Olsen como Michelle Tanner.

A informação foi confirmada pela atriz Lori Loughlin, a Rebecca Donaldson-Katsopolis da série original, durante entrevista ao Huffingon Post. Segundo ela, as filmagens da primeira temporada já terminaram e não contaram com as gêmeas Olsen, que provavelmente também não vão participar de uma eventual segunda temporada.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As irmãs Olsen são as únicas integrantes do elenco original que não retornam para o derivado de Três é Demais.

Em Fuller House, as aventuras que começaram em 1987 continuam, agora com a veterinária D.J. Tanner-Fuller (Candace Cameron Bure) grávida e recém-viúva, vivendo em São Francisco. Sua irmã mais nova e aspirante à cantora Stephanie (Jodie Sweetin) junto com a melhor amiga de D.J. e mãe solteira Kimmy (Andrea Barber), acompanhada da filha adolescente Ramona, vão se mudar para à casa de D.J. para ajudá-la a criar seus garotos – o rebelde J.D., de 12 anos, o neurótico Max, de 7 anos, e seu bebê que está a caminho.

As atrizes vão se juntar a John Stamos (Tio Jesse), também produtor do novo programa, Bob Saget (Danny), Lori Loughlin (Rebecca), Dave Coulier (Joey), Scott Weinger (Steve Hale) e Blake e Dylan Tuomy-Wilhoit (os gêmeos Nicky e Alex), que farão participações especiais.

Jeff Franklin, o criador de Três é Demais, assinará a produção executiva ao lado de Thomas L. Miller e Robert L. Boyett, produtores da série original.

A primeira temporada, com 13 episódios, estará disponível na Netflix em 2016.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio