Willa Holland, que interpreta Thea Queen em Arrow, reclamou das exigências da Warner/DC que fizeram a série do Arqueiro matar suas versões de Amanda Waller e Pistoleiro para dar espaço para Esquadrão Suicida e outros filmes do universo cinematográfico.

“A Marvel não faz isso. Eles fazem de sua própria forma, e não é ideal, mas mesmo assim eles misturam os universos da TV e do cinema”, disse Holland em entrevista ao Daily Mirror. “Então sim, é um pouco decepcionante, porque você sabe que é possível fazer as coisas de outro jeito, e que pode ficar bacana se você fizer desse outro jeito”.

Holland se juntou a outros atores do universo televisivo da DC nas críticas ao fato de Grant Gustin não ter sido escalado (ou sequer considerado) para o filme do The Flash, mas admitiu que não pode fazer nada a respeito.


O quarto ano de Arrow terminou com o time do Arqueiro Verde quebrado, com os membros do grupo tomando caminhos diferentes e saindo de Star City, deixando portanto Oliver Queen sozinho – saiba mais. O romance entre Oliver e Felicity também ficou em incógnita.

Stephen Amell indica que time do Arqueiro Verde pode ganhar novos membros

Arrow vai ao ar no Brasil pelo canal pago Warner.