Outcast | Terceiro episódio foca em relutante parceria entre Kyle e Anderson

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

ATENÇÃO PARA SPOILERS DA SÉRIE A SEGUIR!

Após um segundo episódio que explorou em profundidade o passado de Kyle (veja tudo aqui), Outcast retornou com “All Alone Now” (1×03), um capítulo que diminui a velocidade da narrativa para observar e desenvolver seu personagem, e adicionar detalhes ao universo da trama. Se o episódio não foi tão excitante quanto os anteriores para os fãs de terror, foi ainda mais interessante para os fãs de uma boa narrativa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Outcast | Autor diz que não se importa com as comparações com The Walking Dead

Kyle e o Reverendo Anderson enfrentaram um possuído genuinamente assustador essa semana: Blake (Lee Tergesen), que traiu seu parceiro Luke (J.R. Bourne) quando possuído. A luta contra os demônios dentro de Blake testou os nossos protagonistas, que se depararam com atos de depravação e violência que ainda não haviam enfrentado, o que serviu para os dois personagens revelarem suas próprias naturezas.

A sensação no final do episódio é que a parceria de Kyle e Anderson é construída em motivações diferentes, o que é no mínimo arriscado. Kyle, o protagonista de Outcast, está concentrado em sua dor, e, uma espécie de “celebridade” no meio do exorcismo de demônios, só quer se livrar dos que o atormentam definitivamente. Enquanto isso, Anderson tem uma visão de algo maior e mais perigoso que está vindo, e sacrificou sua família para salvar a alma de outros. Quando Anderson percebe que perdeu a foto do filho, o personagem desaba – e é um dos momentos mais significativos de Outcast até aqui.

O que a possessão de Blake também deixa claro é que exorcismo e possessão demoníaca não é um “esporte” com regras definidas – para cada pessoas, uma manifestação do mal diferente e única, o que torna o procedimento muito mais intrigante episódio após episódio.

Outcast | “É mais assustador que The Walking Dead”, diz criador

Nas margens da trama principal, vimos alguns acontecimentos darem impulsão à trama de Outcast em “All Alone Now”. Mark retornou ao sangrento trailer dos episódios passados e descobriu novas evidências, mas o Chefe Gilles, estranhamente, bloqueou a investigação; descobrimos que Megan foi abusada sexualmente no passado, e que seu estuprador está de volta à cidade; enquanto o vilão Sidney (ainda sem nome na série, mas estamos usando o seu nome nos quadrinhos) fez mais uma aparição arrepiante ao matar o vizinho de Kyle e fazer tudo parecer um suicídio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio