Após perder Supergirl, a CBS quer mais séries de super-heróis

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após exibir a primeira temporada de Supergirl e em seguida “vendê-la” para a CW, a CBS quer mais séries de super-heróis em sua programação. O diretor de programação da emissora, Glenn Geller, ainda garantiu que, se a CW não quisesse exibir Supergirl, a CBS teria renovado a série.

“Ela deu muito certo, para ser sincero. Tivemos mais de 10 milhões de espectadores em todos os episódios”, comentou durante a convenção de críticos de TV. “No final da temporada, simplesmente sentamos para pensar quem ganharia mais com a série, nós ou a CW, porque somos donos da CW também, junto com a Warner. Se eles não tivessem fechado o acordo, provavelmente teríamos renovado”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Se alguém nos trouxer uma proposta de super-heróis bacana, com certeza estaríamos interessados”, concluiu.

Vídeo do set mostra luta de Superman com Metallo

Supergirl e Superman lutam juntos em nova foto das filmagens

A segunda temporada de Supergirl, agora em novo canal nos EUA (a The CW), deve começar a ser exibida em outubro. No Brasil, a atração vai ao ar pelo canal pago Warner.

Mesmo estando em uma nova emissora, Supergirl manterá o seu dia e horário de exibição nos EUA na segunda temporada – segundas, às 20h.

Supergirl retorna dia 10 de outubro nos EUA.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio