Publicidade

Outlander | Após falta de indicações ao Emmy, diretor de emissora critica premiação

Publicado por Caio Coletti

01/08/2016 16:36

O chefão da Starz, Chris Albrecht, criticou a Academia de Televisão e os votantes do Emmy 2016 em sua coletiva na convenção de críticos americanos – as críticas vieram como resposta à pergunta sobre a falta de indicações de Outlander, produção prestigiada do canal.

“Eu fui parte do time que fez a nossa campanha para o Emmy”, comentou. “Acredite em mim, não é um campo justo de forma alguma. Eu passei anos dentro da Academia de Televisão fazendo campanha, e gastamos muito dinheiro e trabalho nisso. Achamos que Outlander é digna de prêmios sim, e a crítica concorda conosco. Estou muito orgulhoso do trabalho feito nessa série e em outras do nosso canal”.

“Eu acho que a Academia de TV deveria se esforçar mais para celebrar essa era de televisão sem precedentes que estamos vivendo. Eles deveriam se esforçar para abraçar a diversidade da nossa produção atual, e não indicar sempre os mesmos tipos de séries, e dar os mesmos prêmios”, criticou ainda.

O autor de Game of Thrones, George R.R. Martin, concorda.

Outlander | Veja provocantes fotos da segunda temporada

A série aclamada pela crítica tem como base os livros best-sellers de Diana Gabaldon, que acompanham Claire Randall (vivida por Caitriona Balfe) enfermeira casada com o professor de história Frank (Tobias Menzies) ex-agente do serviço secreto britânico na 2ª Guerra Mundial.

Em 1945, Claire é misteriosamente transportada no tempo para o ano de 1743, na Escócia, e lá encontra o clã MacKenzie, que a princípio a considera uma espiã inglesa. Envolvida em uma rede de intrigas, ela logo percebe que a única forma de sobreviver é se casando com Jamie Fraser (Sam Heughan), um jovem com um passado complicado por quem Claire acaba se apaixonado.

Outlander já está renovada para terceira e quarta temporadas

Publicidade