Legends of Tomorrow vai introduzir filho gay do Lanterna Verde na 2ª temporada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apesar dos rumores de que Alan Scott/Lanterna Verde apareceria no final da última temporada de Legends of Tomorrow, descobriu-se que o membro da Sociedade da Justiça que integraria o elenco da segunda temporada era Rex “Hourman” Tyler.

Quando o ator Lance Henriksen foi escalado como Manto Negro (Obsidian), o filho de Alan Scott nos quadrinhos, foi questionado quanto da história do personagem seria adaptada para as telas, já que na história original Todd (Obsidian) é abusado pelos pais adotivos, que o tornou instável e uma má pessoa nos dias atuais. Assim, ao declarar-se gay, revela-se também que ele é o filho do Lanterna Verde.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Cada pedacinho da história está lá”, confirmou Henriksen ao site ComicBook. “O fato de ser gay e filho do Lanterna Verde estarão presentes na história. Isso é tratado, honestamente, de uma forma nada gentil”, adiantou.

No terceiro ano da série, após a derrota do vilão imortal Vandal Savage e a exposição dos corruptos Time Masters, uma nova ameaça aparece. O Dr. Nate Heywood, um charmoso e nada convencional historiador, acaba se envolvendo na ação. Após fazer uma descoberta chocante, Heywood pede ajuda à Oliver Queen para reunir todos os Legends of Tomorrow, perdidos através do tempo e do espaço. Uma vez reunidos, os Legends ganham uma nova missão, e retornam como protetores da linha do tempo – sua primeira parada é 1942, quando tem que impedir o sequestro de Albert Einstein e um plano nazista de atacar Nova York. Enquanto isso, Ray nota que Sara tem um plano próprio, e os dois acabam enfrentando Damien Darhk, diz a sinopse oficial.

Sociedade da Justiça e Legião do Mal estreiam no trailer da nova temporada

Elenco revela novos heróis e vilões do segundo ano

Série pode ter só 13 episódios no segundo ano

Legends of Tomorrow retorna em 13 de outubro na TV americana.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio