Boas notícias para os fãs da Audrey Horne em Twin Peaks: a querida personagem parece estar viva, depois dos acontecimentos da última temporada. A confirmação veio com a publicação do romance de Mark Frost, co-criador da série, intitulado A História Secreta de Twin Peaks.

No livro, o autor investiga centenas de anos da história, curiosidades, e conspirações reais e imaginadas para o mundo de Twin Peaks, e entre outras informações está a revelação de que Audrey Horne sobreviveu à explosão de Savings & Loan.

O romance, que vem embalado com “documentos originais”, fotos, jornais e similares, contém um recorte do jornal Twin Peaks Post em que é revelado que três pessoas morreram e uma delas ficou ferida na explosão do banco. Audrey foi aparentemente salva quando Pete lançou-se sobre ela para protegê-la da explosão.


Não há nenhuma outra dica sobre o que aconteceu com Audrey na sequência da explosão, mas isso já é o suficiente para imaginar que Sherilyn Fenn vai interpretar Audrey novamente na nova temporada.

Revelada parte da trama da nova temporada da série

Twin Peaks retorna com episódios inéditos em 2017. Kyle MacLachlan retorna como o Agente Dale Cooper. Os protagonistas se juntam aos novatos Naomi Watts, Laura Dern, Jennifer Jason Leigh, Amanda Seyfried, Ashley Judd, Tom Sizemore, Caleb Landry Jones, Ana de la Reguera, Hugh Dillon, Monica Bellucci (007 Contra Spectre), Michael Cera (Juno), Ernie Hudson (Os Caça-Fantasmas), Jane Levy (A Morte do Demônio), Matthew Lillard (Scooby Doo), Tim Roth (Os Oito Odiados), Josh McDermitt (The Walking Dead). Os cantores Sky Ferreira e Eddie Vedder farão participações especiais.

Retorno da série pode ter mais de uma temporada

As novas temporadas de Twin Peaks serão escritas pelo criador David Lynch ao lado de Mark Frost. Lynch dirige todos os episódios e ainda fará nova participação especial, reprisando o papel de Gordon Cole, o chefe regional do FBI.

Originalmente exibida entre 1990 e 1991, Twin Peaks teve apenas duas temporadas e 30 episódios produzidos, o suficiente, porém, para se tornar cult.