Westworld é “ainda mais urgente” após eleição de Donald Trump, diz criador

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jonathan Nolan conversou com a Variety sobre seu trabalho em Westworld, e confessou que acha a série “ainda mais urgente” após a eleição de Donald Trump como presidente dos EUA.

“Eu acho que há uma conexão a se fazer, especialmente nesse momento de eleições. Será que as pessoas se isolaram em suas mídias sociais? Será que está todo mundo dentro de uma câmara de eco em que só ouvem opiniões parecidas ou iguais as suas?”, comentou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu acho que trabalhar em uma série que mostra a humanidade de uma perspectiva de alguém que não é humano, e que encontra tantas coisas sombrias e erradas com essa humanidade, é muito urgente nesse momento”, disse ainda.

A série foi recentemente renovada para segunda temporada, que deve vir só em 2018.

Olhar Geek | Westworld é muito mais que só a nova Game of Thrones

Westworld, baseada no filme homônimo de 1973, se passa em um parque temático que recria diversos períodos da história, entre eles o Velho Oeste. No local, trabalham diversos androides com aparência humana. Certo dia, os robôs – que podem ser mortos e retornar com personalidades totalmente diferentes – começam a sofrer uma pane e passam a servir como ameaça aos turistas.

Anthony Hopkins, Ed Harris, Evan Rachel Wood, Thandie Newton, Tessa Thompson e o brasileiro Rodrigo Santoro formam o elenco estelar de Westworld.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio